18 de dezembro de 2011

Primeiras!

Era uma vez uma menina pequenina que, influenciada pelo pai, cedo começou a correr e a participar em competições. Avança uns aninhos e, entrada na adolescência, veio a enternecedora fase do "Epá, esquece lá isso, correr cansa. Não quero mais."
Passada mais de uma década, movida a cerveja e chocolate, e com a temida aproximação dos 30, começou a pensar que se calhar era melhor levantar-se do sofá, que já começava a revelar o formato exacto do seu rabo alapado, e voltar a fazer algum exercício.
Maior desafio: (re)começar a correr. Pensamentos durante e após a primeira corrida: *##@+** masparaoquemaviadedarvoumorrer **##$*!!

Agora, passado quase um ano, continuo a correr. Muito de-va-ga-ri-nho.
Depois de vários meses a procurar inspiração online e a devorar blogues de gajas que correm (GQC), todos blogues estrangeiros, achei que já era altura de criar o meu próprio blogue de uma gaja que corre, tuga (GQCT).
Espero que haja por aí outras GQCT que se queiram juntar a mim (gajos eu sei que há, vejo-os a passar enquanto eu fico para trás a engolir o pó).
Não é difícil apanhar-me.

Sem comentários:

Enviar um comentário