26 de março de 2012

Caminhadas: do Palácio ao Castelo

Ontem, como a corrida de 10km não tinha sido suficiente, durante a tarde achei que era boa ideia ir relaxar, fazendo uma caminhada em Sintra. É esta a minha ideia de calma e descanso: correr de manhã e ir fazer uma caminhada pelos montes à tarde. Não estão contentes por não serem meus amigos na vida real?

Já tinha dito antes que, se não pudesse correr, as caminhadas seriam o meu desporto de eleição. (Ou o surf. Nunca tinha dito aqui no blogue, mas eu sou fascinada pela ideia de fazer surf, não fosse o pequeno inconveniente de ter medo de ondas (das grandes, claro, não daquelas em que ficamos a boiar de barriga para cima ao sabor da ondulação). Não fosse esse pequeno inconveniente, tenho a certeza que andaria por esse mundo fora à procura das melhores praias. Assim sendo, umas palavras de admiração às meninas do surf: vocês são harcore! Não tão hardcore como as meninas da corrida, não exageremos, mas, ainda assim, muito hardcore.)

Mas como estava a dizer, gosto muito de caminhadas, sobretudo por trilhos de montanha. Ando há anos a tentar arranjar tempo (€) para ir ao Perú e fazer o Caminho Inca, até Machu Picchu. É uma chatice isto de não se ter tempo para nada!

Enquanto Machu Picchu não vem até nós, vamos nós até Sintra (mesma coisa). Adoro Sintra. O verde, os caminhos pedestres pela serra, os palácios e palacetes, signos esotéricos, rituais secretos... A dama medieval dentro de mim sente-se em casa.

Desta vez, como o tempo (desta vez sem ser em itálico) não era muito, optou-se por um percurso de ida e volta relativamente pequeno, mas inclinado, do Palácio de Sintra até ao Castelo dos Mouros.


Ao início, exercícios com degrau(s):

É um bom exercício para o rabo os glúteos.

Uma pausa para respirar cultural.


E a subir continuamos.



Quando passam esta porta giratória voltam atrás no tempo, a sério.



Bem-vindos! Festa no castelo, sempre a subir.



Os guardas reais deviam ser homens de belas pernas.



Palácio Nacional de Sintra já bem ao fundinho.


Adoro árvores.




Já está quase.



A entrada para o Castelo dos Mouros.

Com um caricato, mas bem atento, porteiro.
Como eu disse: bem atento.

Como já não entrava no Castelo dos Mouros há muitos anos, resolvi aproveitar para fazer uma visita.
Bem documentada, não fosse perder-me e não encontrar o caminho de regresso para o século XXI.
Vista desafogada,
mar ao longe,
a vizinhança também não me parece má...

Compro!



Parece que, afinal, não estava à venda. Qualquer coisa sobre ser património cultural da humanidade ou lá o que era...

No regresso, tentei armar-me em Indiana Jones e desbravar trilhos desconhecidos.



Mas fiquei com medo que aparecesse algum bicho pudesse escorregar e cair, e resolvi voltar ao traçado original.

Companheiras de muiiiitos caminhos.

E assim se passou mais um domingo.

Hoje, segunda-feira, foi um dia bem menos interessante. E, prova disso, foi o meu almoço (e jantar) sem graça.
Sopa + segunda-feira, combinação mais aborrecida de sempre? Acho que sim.

E a foto da sopa foi só mesmo para terminar o post com uma imagem violenta de regresso à realidade, só para verem como me custou começar a semana.


- Qual a zona mais bonita em que já fizeram caminhadas/ passearam?
- Algum trilho que recomendem?

Até amanhã!




11 comentários:

  1. as caminhadas ve neste blog... o grandioso e maavilhoso Geres..
    http://almademontanhista.blogspot.pt/

    Corrida... meia maratona douro vinhateiro..http://www.meiamaratonadouro.com/

    Força no plano de treino.. a meia maratona seaside tens de a fazer...

    ResponderEliminar
  2. Nainho: Obrigada! Por acaso, andei recentemente a pesquisar a travessia das Serras da Peneda e do Soajo. Percurso de 4 dias. Vou ver o site que enviaste. Beijinhos!

    ResponderEliminar
  3. Não fazia ideia que existiam percursos planeados para fazer! Acho muito giro... Também adoro andar (talvez até mais que correr) e agora que está bom tempo apetece mesmo fazer umas caminhadas de exploração :P

    Beijinhos e boa semana!

    ResponderEliminar
  4. Cate: Se consultares o site da C.M.Sintra tens lá alguns exemplos de percursos. Aproveita o bom tempo, sim! Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Sintra é um espectáculo! E em Janeiro há sempre (este ano não houve) a Corrida do Fim da Europa, parte de Sintra e vai até ao Cabo da Roca. Uma das provas mais bonitas que conheço! Não chega a 17 Km. Espero que no próximo ano se volte a realizar!

    ResponderEliminar
  6. Ana: Desconhecia essa prova! Se houver, para o ano estamos lá?! Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Vens à Madeira e eu mostro-te n trilhos muito interessantes. :)

    (E é bem mais perto e económico que Machu Picchu) ;)

    ResponderEliminar
  8. No ano passado ( na minha Lua de Mel) passamos um dia em Sintra, estivemos no Palácio da Pena, e adoramos.
    Paisagem magnifica.

    Bjinhos

    ResponderEliminar
  9. que sitio lindo ! a sério fiquei apaixonada ! olha aqui a mha zona é linda ! n sei se comeces : s.pedro de moel, leiria, nazaré, etc, tem muito pinhal ( pinhal de leiria ) e vários trilhos lindos para passear!

    beijoca

    ResponderEliminar
  10. Olá! :D

    Eu também sou uma eterna apaixonada por Sintra :D Ainda nem vivia em Lisboa quando fui lá pela primeira vez, e gostei tanto :D Hoje em dia vamos a Sintra pelo menos duas vezes por ano, e também costumamos andar imenso a pé por lá. Nesse aspecto na minha opinião não há melhor do que a Quinta da Regaleira, conheces? Já lá passámos dias inteiros a caminhar, a descobrir grutas (leva lanterna!), a descobrir caminhos e atalhos... É mesmo mesmo muito bonito :D

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  11. Mais uma bela sugestão tua, tenho que experimentar!
    Beijinhos

    ResponderEliminar