23 de maio de 2012

I am made of sport

Já viram a campanha de vídeos inspiracionais da Asics?

Apresento-vos o meu futuro companheiro de corridas.



Emmanuel Gault, francês, corredor de trail e vencedor 2011 do percurso CCC do Ultra Trail do Monte Branco.

Eu sei o que estão a pensar... Como é que ELE vai conseguir acompanhar o MEU ritmo? Não se preocupem, já tenho tudo pensado. Apesar do meu francês estar enferrujado, já pratiquei algumas frases motivadoras para não o deixar desanimar. Até agora, o que acham de: "Allez, vite!"? (Ainda é um trabalho em progresso...).




Tudo isto para ver se me motivo face ao meu PIOR treino DE SEMPRE! (Exagerada, eu?)

Claro que dois treinos seguidos a correr muito bem já estava a ver que era muita sorte...
Hoje saí mais cedo do que o normal, por volta das 17h, porque tinha um jantar e queria despachar o treino antes. Seriam "apenas" 8 km, mas às primeiras passadas vi logo que não ia correr bem... Fiquei logo com a respiração alterada e não havia maneira de correr mais depressa. Deixei logo de lado a ideia dos 8 km "rápidos" que tinha programados, mas pensei que, mesmo devagarinho, faria os quilómetros estipulados, desse lá por onde desse. Ao fim de 3 km já sentia o calor a afectar-me e não conseguia estabilizar o ritmo. Fiz uma pausa demorada para beber água, a ver se me recompunha, mas hoje o meu corpo estava contra mim e a mente não quis colaborar. Ao fim de 5 km desisti e voltei para trás, de regresso a casa. Fiz a restante distância até ao meu prédio metade a andar metade a correr e foi só mesmo por teimosia, porque me sentia de rastos.

Mas que raio, ao fim de praticamente 6 meses a correr de forma consistente, este tipo de situações já não devia acontecer! É desmoralizante. Além disso, como é que o calor me afecta tanto? E nem sequer estamos no Verão. Como vão ser as minhas provas de Junho?! Podem passar das 10h da manhã para as 10h da noite, sff? E se eu pedir com muito jeitinho?...

Penso que nem se trata de nada de especial a nível fisico, porque fiz testes de esforço há cerca de um ano, e até já falei com  meu médico sobre a minha tensão baixa e fraca resistência ao calor...  De rastos ao fim de 5km?? Depois de tudo? Enfim... É uma treta e fico logo a questionar as minhas capacidades de evolução.



Oh, obrigada Ryan, muito simpático da tua parte!


(É bom saber que ao menos o meu sentido de humor cromo se mantém intacto, ao contrário da minha auto-confiança desportiva despedaçada...)

Treino de hoje:
- De tarde
- Calor (para mim)
- Distância:  7,4 km muito arrastados... (<- Emmanuel Gault, põe-te a pau com a concorrência...)
- Ritmo lento e desconfortável

"I am made of sport"... Sim, está bem...


Por favor, falem-me dos vossos piores treinos de sempre e sejam convincentes, para eu me sentir melhor! Não posso ser a única... pois não?

Mais: não tendo o Ryan Gosling à disposição, qual acham a melhor forma de me animar? Chocolate ou gomas? Um mix dos dois?



15 comentários:

  1. Para mim o melhor animo agora é a aveia, ando viciada! Como aliás da para ver na minha ementa de hoje eheh
    Adoro o teu sentido de humor a sério, nunca pares !! :P

    Eu com o calor sou como tu, portanto se tá calor ou não vou ou então já vou mentalizada que não vai ser excepcional.

    E tu és feita de desporto sim! E muito! :D

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Para te animar, que tal releres o post, fartei-me de rir :))
    Acho que o mix de chocolate e gomas era capaz de resultar! Beijo

    ResponderEliminar
  3. Olá =)
    Não te posso falar da minha experiência em treino de corrida ( porque é nula) mas falo-te em termos do treino que mais faço, cycling.
    Como sabes as aulas de cycling exigem muito de nós, pelo menos as do meu ginásio são muito pesadas, e no inicio em parecia uma tartaruga ao pé das outras pessoas todas, até que fui melhorando, melhorando, até receber elogios do Treinador a dizer que estava a ficar uma expert naquilo.
    Hoje em dia já faço aquilo " com uma perna às costas", mas há dias em que parece que voltei ao primeiro dia, o meu corpo não responde e não dá aquilo que eu quero que ele dê, e no entanto já o faço há muito tempo.
    Por isso, na minha opinião acho que foi um dia menos bom, e vais ver que hoje, amanhã e depois já vais conseguir fazer os teus 8km a uma velocidade boa =)
    Não desmotives por causa de um dia menos bom, ainda por cima com esse giraço a motivar-te =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. pelo menos n te falta o humor :) tem calma, já pensas te q secalhar estás a precisar de fazer uma pausa??? :P

    bjinho

    ResponderEliminar
  5. Infelizmente (para mim) não és a única! Eu que por norma sou uma verdadeira gazela (not) chega o calor e só me arrasto... Na semana passada, num dos dias mais quentes fui correr ás 18h e jurei para nunca mais! Era para fazer 8 km (tal como tu) e ao fim de 2,5km parecia que o coração me ia saltar da boca juntamente com um pulmão. Resolvi voltar para trás e fazer apenas 5km! Por isso, fica descansada que não és a única! Com o calor as pernas não respondem ás minhas vontades...

    Logo vou (tentar) correr! Mas a ver o que consigo fazer!

    Beijinho.

    ResponderEliminar
  6. mais uma vez comentei com o log in diferente!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. CALMA,
    foi só um dia!
    todos temos treinos desses!!
    A mim tb não me apetece sempre ir correr, e às vezes visualizo isso mesmo a acontecer por isso nem saio de casa :P
    a cima de tudo tens q ouvir o teu corpo e MENTE!
    a semana ainda não acabou, amanhã ou dps compensas!
    beijinhos

    ResponderEliminar
  8. eh pah, eu so de ver a cara dele ja me animei po meu treino de hoje...aconselho-te a imaginar que ele está no fim dos km à espera para te felicitar e levar a jantar ...uma saladinha claro! eu como nem alface posso comer, e para estar ainda mais motivada vou imaginar que ele está no fim da minha 1.30min de exercício à espera para me levar a comer uma bela, grande e besuntada francesinha:D eh oah eu nem gosto de nada besuntado...mas a privação tem destas coisas:D

    ResponderEliminar
  9. O vídeo é fantástico! realmente inspirador e desafiante :)
    quanto aos treinos, mesmo que alguns sejam muito complicados, ou por causa da respiração ou por causa de uma ou outra dor que teima em insistir, nessas alturas geralmente baixo ritmo e faço o que consigo. o mais difícil para mim é a seguir, não me culpar em demasia pelo mau treino porque isso pode afetar o meu desempenho seguinte.
    esse para mim é talvez o grande desafio de cada treino: aceitar que o que fiz era o possível para aquele momento!
    continuação de boas atividades :)

    ResponderEliminar
  10. O não treino pode ser um bom treino mental.. Descobrir algo na mente...

    Uma alimentação menos correcta..

    Come um snickers lool
    :D e manda outro pra mim ..

    Depois de um mau treino a melhor solução é um novo e bom treino!!

    ResponderEliminar
  11. Fracassaste? Junta-te a mim!!! :-)

    Ontem era para ter feito os meus primeiros 10km. Leste bem, “era para ter feito…”.

    Fomos novamente para Belém, como na semana passada fiz os 7 e acabei muito bem pensei que fazia os 10 sem me esforçar muito mais.

    Pensei mal!!!

    Sofri o mesmo que tu, já te disse que o calor mata-me?

    Bem levei o cinto com a garrafa de água, mas antes de chegar aos 6km já estava vazia e eu cheia de sede.

    Acabei por fazer o mesmo percurso da semana passada, com mais 1 minuto no total dos 7km, a diferença é que acabei prestes a desmaiar e com dores no corpo quase todo.

    Fiquei tão desanimada, mas no Domingo volto a tentar!

    Para me animar fomos jantar ao Mc, há que repor as calorias gastas…

    Quanto ao te animar, come GOMASSSS!!!!

    Beijos

    ResponderEliminar
  12. Olá :)

    Pois, eu no Verão também é um bocadinho para esquecer :P Podes sempre aproveitar esta oportunidade para descobrir outro desporto: podes ir nadar! ;)

    Agora a sério: há dias assim, em que pensamos que não conseguimos, que nunca mais acaba, que é uma grande porcaria, que detestamos o calor, que queríamos viver no Alasca e outras coisas assim ;)

    Nesses dias eu lembro-me sempre de uma vez no terceiro ano do curso (que é de longe o mais difícil de todos) em que eu estava a ficar mesmo em baixo. A minha mãe disse para irmos tocar café juntas, eu disse que me sentia mesmo mal e pouco confiante e ela disse o seguinte:

    Joana, durante toda a tua vida vai sempre haver situações em que te vais sentir uma merda. A vida é assim. Há dias em que te sentes a melhor do mundo, há outros em que te sentes, vá, uma merda. O truque é não deixar que nenhum dos dois te afecte e que mude a tua maneira de estar perante os desafios.

    E pronto, essa frase marcou-me. Hoje em dia quando me sinto uma porcaria penso isso, e sinto-me melhor ;) Espero que te sintas também :P Se não, podes sempre usar a minha técnica para me animar, e dizer várias vezes para ti própria a palavra 'cagalhão' xD (não tenho culpa, é uma palavra com piada!) :P

    Quanto ao animar, o chocolate estimula a serotonina :P

    Beijinhos :D

    ResponderEliminar
  13. Não te posso falar de treinos, como sabes, mas de certeza que o próximo vai ser melhor, não desanimes!

    Beijinho :)

    ResponderEliminar
  14. Menina, tenho pena de não conseguires acompanhar a minha velocidade nos treinos...aliás, poucos o conseguem! Sou mais lenta que algumas senhoras de idade a andar. A minha situação é positiva, porque pior...é difícil haver e o único caminho é mesmo melhorar!!! Pior, pior, era ficar em casa sentada e não fazer nenhum. Pior, era nem sequer tentar! Mas tu fazes isso tudo! e se há dias que as coisas não correm tão bem, haverá um dia que o Ryan te chega à porta e pergunta: "Let´s go for some miles?!
    Beijos e espero que a minha "stupidity" te tenha animado :)

    ResponderEliminar
  15. Claro que não és a única, rapariga! qualquer um, até atletas de alto nível, têm os seus dias. Pronto, claro, eles correm 2 seg. mais lentos e nós corremos 2 minutos mais lentos, tudo em proporção, estás a ver? Mas acredita que todos temos os nossos dias menos bons e que não corremos nada! Olha eu, depois de domingo, fui correr ontem...corri 5 km de bofes na boca e muito devagar. Alguém acreditaria que uns dias antes corri uma Meia cerca de 30 seg / km mais rápido do que no treino de ontem, e mesmo assim me senti MUITO melhor? Pois...quase nem eu acredito, até já fui reconfirmar na classificação para ver se tinha mesmo sido eu ;)

    BEijinho e coragem sempre (eu sei que tens)

    Onde me vingo? Na comida, claro!

    ResponderEliminar