13 de julho de 2012

Crónica do peso, corpos atléticos e o desafio da salada

Ontem, depois da corrida, fui pesar-me.


Tinha até posto uma cruzinha na mão, para não me esquecer. Pôr um lembrete no telemóvel, o que é isso?! Eu ainda sou muito da velha guarda. :)

Pois bem, a última vez que me tinha pesado foi em Janeiro, quando fui a uma consulta no meu centro de saúde, onde as simpáticas enfermeiras fazem sempre questão de assinalar o meu peso e verificar a minha tensão. Na altura, contava com 58,5kg e ontem:



58,4kg. Menos 100 gramas! Acho que mereço o troféu de Miss Manutenção, já que manter o meu peso tem sido  meu objectivo desde já há alguns meses. E tudo isto sem ter balança em casa nem me pesar com regularidade.
Melhor ainda:



Está tudo dentro dos valores normais. Claro que tudo isto é muito relativo e varia bastante de pessoa para pessoa. Tenho amigas com a mesma altura que eu (que, já agora, é 1,66m e não 1,65m como a máquina achou, provavelmente devido à minha habitual postura corcunda) que pesam 53kg e estão muito bem e outras que pesam acima de 60kg (como eu já pesei) e estão bem também. Tem muito a ver com o tipo de corpo e por isso é que acho que uma pessoa basear-se apenas no número que a balança nos mostra pode ser enganador e frustrante.

Além disso, já passei por várias fases, desde mais magrinha a mais gordinha que, embora nunca tendo sido extremas, eram sempre alvo de críticas. Como andei no atletismo quando era criança, sempre fui magrita e mantive-me assim até cerca dos meus 15, 16 anos. Era a magricela, trinca-espinhas, Olívia Palito... tudo coisas que uma adolescente "adora" ouvir ao crescer... Depois, a partir dos meus 16 anos, já não fazia assim tanto desporto e comecei a engordar um bocadinho. Ressalvo aqui que nunca fui o que se pode considerar "gorda", o máximo que pesei foi perto de 66kg, no entanto, comecei a ouvir "Estás a ficar gordinha", "Vê lá se tens cuidado com o que comes", e, o que leva o prémio: "Vê lá que ainda ficas como a tua mãe"... Aqui tenho de fazer um parêntesis: a minha mãe ficou mais gordinha depois de ter o meu irmão. Como foi atleta em nova, manteve a genica e as pernas invejáveis, mas a verdade é que tem o peso acima do que deveria ter. No entanto, é linda e é, bom, é a minha mãe! Por isso imaginam como fiquei quando ouvi isto, sobretudo vindo de alguém mais velho da família. Como sou uma pessoa educada, não lhe disse: "Ouve lá ó imbecil, a minha mãe é linda e se ficar como ela não é problema nenhum, entendido? Palhaço". No entanto, fiquei como nos livros de banda desenhada, em que se vê a personagem a ficar vermelha de raiva e a começar a deitar fumo, como um vulcão prestes a entrar em erupção. Tentei manter a classe na minha resposta, mas o desagrado ficou implícito.


Em relação a comentários menos agradáveis há que ter em conta:
- São feitos por pessoas de quem gostas e de quem tens a opinião em conta?
- São feitos devido a genuína preocupação?
Ou, por outro lado:
- São feitos à laia de falta de assunto? Tal como se poderia dizer "Tem estado calor", diz-se "Engordaste!" (Não sei se é uma coisa cultural, mas isto acontece, já repararam?)
- São feitos por pura mesquinhez? Infelizmente também há disso.

E depois age de acordo com isso. Mas o importante é o que tu achas. Aquela frase feita da Matinal: "Se eu não gostar de mim, quem gostará?", é bem verdade. Se te respeitares os outros também te respeitam.

Tudo isto para dizer que é impossível agradar a toda a gente, independentemente do nosso tamanho. Neste momento, apesar do meu corpo estar longe de ser perfeito, sinto-me confortável com ele como nunca me senti, porque está saudável, é funcional e permite-me fazer coisas que antes achava muito difíceis. Provavelmente outras pessoas dirão que está muito magro/gordo/flácido/seco... estão a ver o filme? Mas eu gosto. Claro que acho que posso sempre melhorar uma coisa ou outra, mas levou-me muitos anos a chegar a este ponto de aceitação e estou muito contente com isso.
O meu objectivo próximo vai ser tentar ganhar mais um bocadinho de massa muscular, já que a parte cardiovascular está bem encaminhada (amanhã, treino matinal de 12km - Plano Meia Maratona). Isto significa mais pesos e repetições... secaaaa!


E agora, já que falámos de peso, quero aqui deixar a minha contribuição para a batalha de saladas da Diana.



Resolvi fazer uma salada de salmão fumado, requeijão magro e espinafres, para mostrar que uma salada também pode ter os nutrientes necessários para deixar alguém que pratica desporto bem alimentado (eu comi isto ontem ao jantar depois do treino e não fiquei com fome).

Como não faço ideia das calorias que a salada terá, vou ser automaticamente desqualificada! :) Pelo que pesquisei na net, penso que não ultrapassará os as 250 calorias pedidas, mas não posso confirmar. No entanto, com o sugestivo nome de Almofadinhas de Requeijão sobre uma cama de Espinafres penso que estou na linha da frente para o prémio de título mais piroso poético! Aqui vai:



Almofadinhas de Requeijão sobre uma cama de Espinafres

Ingredientes:
  • 4 fatias de salmão fumado
  • 100 ou 150 gramas de requeijão magro (a embalagem era de 200 gramas mas não usei toda)
  • espinafres
  • 4 ou 5 tomates-cereja
  • uvas para decoração
  • tempero a gosto (eu usei sal, pimenta e alho em pó)

Modo de preparação:

1- Picar umas poucas folhas de espinafre, que deverão ser misturadas com o requeijão já previamente temperado (podem optar por não temperar, se preferirem):

2- Colocar uma colher de sopa cheia do preparado anterior sobre uma fatia de salmão fumado e enrolar com o formato de búzio (eu enchi duas almofadinhas com este preparado e as outras duas apenas com requeijão)

3- Colocar as almofadinhas sobre uma camada de espinafres e decorar com os tomates-cereja e as uvas.

4- Comer!


Acho que ficou uma salada muito boa (eu gosto bastante de requeijão e salmão fumado) e é fácil e rápida de fazer.



Aqui está a minha contribuição Di, espero que gostes. Mesmo que exceda as calorias, gostei de participar. E, sobretudo, de comê-la.



Para entrarmos no fim-de-semana em grande, deixo-vos com o link para a galeria de fotos da ESPN - Bodies We Want 2012, em que são retratados vários atletas olímpicos, que mostram porque fazer desporto é saudável... Exemplos:


Para as meninas
Carlos Bocanegra - soccer player.

Para os meninos
Ronda Rousey - martial arts.

Nota: Pode não ser "seguro" ver no local de trabalho.

Gostei sobretudo por mostrarem a beleza de todos os tipos de corpos atléticos, inclusive daqueles que em princípio não seriam considerados sensuais, mas que se revelam em fotos extraordinariamente bonitas (ver o caso da lindíssima atleta paraolímpica).

Venham os Olímpicos!


Bom fim-de-semana.




14 comentários:

  1. eu preciso mesmo de me pesar numa balança dessas. foste a uma farmácia? se bem que esta semana não é um bom exemplo, tive um aniversário, não corri, vou passar o fds fora... enfim, quando voltar ao normal tenho de o fazer.
    eu também nunca fui gorda, o máximo que pesei acho que foram 51 ou 52kg, mas como sou baixinha tenho de ter cuidado. gosto de me sentir assim mais magrinha, a primeira pessoa que temos de agradar é a nós próprias (se bem que agora a roupa cai-me quase toda, por isso preciso de encher com massa muscular) =) eheh
    muita corrida sim, mas cuidado para não te lesionares. espero segunda feira já ir correr e q não me fique a doer nada... que saudades :(
    a salada tem um aspeto ótimo, nunca provei salmão fumado (sou uma triste, eu sei) ;p
    beijinho, bom fds

    ResponderEliminar
  2. És alta caraças! :D

    Eu nunca fui propriamente gorda, mas já tive excesso de peso. E já ouvi essas críticas por parte de algumas pessoas da família. Mas a vida continua, e hoje estou mais magra e eles mais gordos, e adivinha quem fica com o sorriso vitorioso agora? :P

    Por acaso a minha mãe também engordou bastante nos últimos anos, mas é a minha mãe e eu continuo a achá-la tremendamente jeitosa :) Se eu for um décimo daquilo que ela é daqui a uns anos já fico muito contente ;)

    A tua salada está boa :D

    Eu já comi pita shoarma, mas nunca no Joshua's :P Sou uma inculta ;)

    Beijinhos e boa noite :D

    ResponderEliminar
  3. Ai.... nem sei por onde começar... mas vai ser pela salada:
    A TUA SALADA ESTÁ TÃAAAO LINDA :D
    parecem 4 seres espaciais a darem um beijinho colectivo!!!
    e deve ser mesmo boua!!!!

    agora outro tema nao menos importante: eu dava banho de bom grado a esse senhor. coitadinho, está tão sujinho...

    E realmente :D
    tu és o rigor da manutenção!!! ctg a balança nao mexe!!! :D
    parabens!!!!

    BEijinhos grandes cachopa. agora vou buscar a coisa mai linda da minha bida à rede expresso.!!!!

    ps: só 1 malte? :O

    ResponderEliminar
  4. Olá

    Adorei a tua salada, está linda e devia estar bem boa...

    Quanto à frase que me deixaste no meu blog espero que passe dos desenhos animados para a minha realidade. Acredita que bem preciso.

    Pois as frases que falas, nem sei que te diga, mas há de tudo.

    Eu tenho 1,67m e actualmente já me dizem que não devia emagrecer mais...De facto para quem chegou aos 92 quilos não está nada mal, mas ainda há um caminho razoável a percorrer. Tu tens um peso "invejável" - espero que o mantenhas por muitos e bons anos.

    Beijinhos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  5. o peso n vale nadaaaaaaaaaaaa ! estás muito bem sim sr.ª e pelas fotos tens um aspecto de ser magrinha ou seja essa máquina apenas faz a média peso altura para descobrir a tua massa gorda, ou seja na realidade e no meu ponto de vista com a tua alimentação e com tanta corrida a tua massa gorda É BEM MENOS ! só q essa que a máquina te deu :P

    ai malvada quase k n via a saladinha ! adoro salmão fumado nham nham dps quando fizer aviso ! vou tentar contabilizar as calorias :p N É GRANVE!

    beijinhos e tem um bom fim de semana

    ResponderEliminar
  6. Nunca experimentei salmão fumado, mas adoro requeijão e ae a tua salada devia ganhar pelo menos o título da melhor foto, que tem mesmo bom aspeto.
    Quanto a esses comentários infelizes, eu apoio a máxima "se não tens nada de bom a dizer, mais te vale estares caladinho"... Beijo

    ResponderEliminar
  7. Hermione: Sim, foi numa farmácia! Fui num dia de corrida, já para me precaver das coisas... ;) Bjs

    Batata: "4 seres espaciais a darem um beijo colectivo"??! :D Agora quero mudar o nome da receita!! Posso? ;)
    Sim, realmente o senhor dá pena assim todo sujinho, está mesmo a precisar de uma esfrega lol ;p Bjs

    Diana: Naquela máquina primeiro pesas-te e depois tens de pôr as mãos numas pegazinhas para te medir a gordura corporal, por isso deve ter alguma ciência que desconheço... ;) Bjs

    Sweet68: Também sou apologista dessa máxima! Bjs

    ResponderEliminar
  8. Tens toda a razão, essas perguntas de "estás mais gorda?" são completamente culturais, nunca tinha pensado nisso!
    Ridículo :x
    Quem me dera um dia ter os valores todos normais como tu. Há-de demorar mas hei-de conseguir :)

    Beijinhos e obrigada pela motivação! *

    ResponderEliminar
  9. Menina,
    Considerações de hoje:
    *Nunca fui mulher de cruzes! Gosto mesmo é de escrever tudo :)
    *Eu tenho um 1.64 apesar do BI já dizer 1.65! e estou entre os 58 e os 59Kg.Peso-me 1 vez por semana em casa.
    Sabes a quantidade de pessoas qu em dizem: "estás tão magrinha!" do tipo anorética, como se eu estivesse com 40Kg!? Tu não comes? Resposta que já tenho formatada : "Não. Passo fome!" e assim se acaba a conversa de chacha. Às vezes aré me apetece dizer : "se achas que não como, vê o meu blog!", mas não lhes vou dar essa liberdade de cuscarem o que eu como!
    Sim! a minha cara fica chupada quando estou com este peso, mas as ancas de metro estão cá. O que é que se faz?! Conclusão: o que interessa é estarmos bem connosco para conseguirmos encarar as criticas positivas e negativas.
    *Salada - acho que ficou muito bem! Pensei que eram azeitonas e afinal sairam uvas!!
    Beijos e bom fds...

    ResponderEliminar
  10. Eu sou como tu, faço cruzes na mão... pior é quando ficam tempo a mais e depois não me lembro porque raio fiz aquela cruz. Já me aconteceu várias vezes! Mas também sou adepta das listas.

    E eu também sofro com o mesmo tipo de bocas. Em Maio cheguei aos 57 quilos (meço 1,62) e andava tudo preocupado comigo e constantemente a mandarem bocas. Eu sentia-me bem e estava dentro do peso normal para a minha altura mas cria uma enorme pressão dentro de mim e acabo por me sentir triste porque as outras pessoas, principalmente a minha família não compreende nem apoia-me neste assunto. É algo chato...

    Beijinho e bom fim-de-semana*
    Alice

    ResponderEliminar
  11. 1 - sobre as pesagens nas farmácias : acho excelente!
    2 - sobre as mães : SÃO TODAS LINDAS!! Ainda hoje tive a oportunidade de ver a minha mae de vestido e de admirar o quanto ela é bonita :)

    Boas corridas!

    ResponderEliminar
  12. Tenho até medo de chegar perto de uma balança dessa..sou capaz de infartar!! Parabéns por está seguidno esse plano para manuntenção do peso e principalmente da saúde!! Pelo esforço que vejo diariamente no seu blog, você merece cada grama perdida e vai alcançar seu objetivo na meia maratona!! Bjs. Sandra

    ResponderEliminar
  13. Helloooo :):):)

    no sábado passado (da semana passada) tb me pesei numa balança dessas da farmácia mas não acredito muito naquilo (pelo menos em relação à masssa gorda!)

    Estás óptima! eu já te tinha dito q não perdi peso nenhum pcausa das corridas, pelos vistos tu tb não, mas acho mt evidentes algumas diferenças no meu corpo desde q passei a correr (mt mt mt menos músculo!). por isso eu não aconselho as pessoas a correrem para melhorar o seu aspecto físico, apenas aconselho as pessoas a correrem para melhorarem a sua condição psicologica! ;) eheh

    em relação ao resto, tb me parece bem que apostes nos músculos :D se tiveres como eu, o teu corpo está flácido (o meu há 12 dias atrás estava MT) lol e isso tb não é saudavel! :)

    beijinhos :D

    ResponderEliminar
  14. olaaaaa:) eu ouvi esses comentarios toda a vida! ate quando pesva a60kg, para 1.62 e achava que estava bem, havia comentarios de estás goooorda!! e agora? com 86...agora olham para mim com pena e la comentam quanto estás a pesar? e nem se perguntam quando e porque é que engordei..foi um refugio...e agora está dificil de sair...alem do mais o que mais amo é cozinhar, é das poucas coisas na vida que ma dá alegria e prazer, por isso ja nao ligo aos comentarios e hei-de emagrecer com o tempo e paz de espirito , `a minha maneira... AMEI A TUA SALADA!!!!! fantástica mesmo! ja tinha imensas saudades vossas caramba! beijinhos e estás perfeita:)

    ResponderEliminar