19 de novembro de 2012

Exercício do fim-de-semana

O Natal está a aproximar-se, e com ele as prendas e a comida. Toda aquela comidinha boa a que uma pessoa não pode resistir. Nem quero. Por isso é que tenho de ganhar espaço para o espírito natalício.
Estou a brincar, faço exercício porque gosto e o resto é um (bom) acréscimo.

Como o fim-de-semana começa sexta-feira mal pomos um pé fora do local de trabalho, quando cheguei a casa arrisquei sair para correr um bocadinho, apesar do tempo não estar agradável. Não choveu, mas estava uma ventania desgraçada. Junto ao rio, as ondas chegavam a atingir o passeio onde corro. Confesso que o tempo me incomodou um bocadinho; só passei por um outro corredor (coisa rara), não se via ninguém nas ruas e estava escuro, por isso encurtei o treino.

Quando voltei a casa, como ainda estava cheia de energia, tentei fazer um daqueles vídeos de Zumba de que as meninas tanto falam e só tenho a dizer que: vocês são loucas! Como é que conseguem orientar-se no meio daqueles passos todos e, mais importante, como coordenam com o acto de respirar? Se calhar escolhi uma aula mais avançada (este é o meu orgulho a querer justificar-se)... Bom, acabei por optar antes pelos vídeos do The Beach Bum e, como não queria cansar muito as pernas, fiz apenas a sequência de braços e abdominais.

Treino de sexta:

- Final da tarde
- Vento, frio
- Distância: 5km  aprox. (bónus de corrida determinada por ter enfrentado a intempérie)
+
- Sequência de abdominais e braços
- Alongamentos

 
 Sábado foi dia de passeio e caminhadas...


e noite de descanso porque no domingo aguardava-me um treino de cerca de 18km na companhia do João Lima, Isa e Gi, que trouxe também dois amigos.

O ponto de encontro foi no Cais de Sodré às 09h30, de onde arrancámos em direcção a Algés. Nem dei pelo passar dos primeiros quilómetros e, quando me apercebi, já estávamos na zona do Mosteiro dos Jerónimos, onde nos aguardava o 1º abastecimento, providenciado pela esposa do João. Quando chegamos perto de Algés e temos de voltar tudo para trás é que se torna mais chato. É que parece que nunca mais chegamos ao Cais de Sodré, apesar de ser o mesmo número de quilómetros... O desgaste mental das grandes rectas. Contudo, ainda ia bem, mas sentia as pernas anormalmente cansadas.

Até ao km14 foi mais ou menos pacífico. Passámos no Terreiro do Paço e as pessoas sentadas na esplanada lembraram-nos coisas boas: gelados! Do que nos fomos lembrar! Ainda fomos ali um bocado a falar de sabores preferidos de gelados da Santini, o que resvalou para chocolate e tipos de chocolate favoritos. Agora, em vez de serem as pernas a queixarem-se era o meu estômago, o que foi bom para variar um bocadinho.
Entretanto, começámos uma pouco inclinada mas ininterrupta subida que se manteve até ao ponto de chegada na Alameda (para mim e para a Isa, já que os restantes seguiriam mais uns quilómetros). Na Praça da Figueira "perdemo-nos" da Gi e dos amigos, que entretanto já iam mais ligeiros. Os últimos três quilómetros já me estavam a custar um bocadinho e só me vinha à cabeça a frase do burro do Shrek  (versão brasileira): "a gente já chegou?".

Finalmente, chegados à Alameda despedimo-nos do João, com 18,6 km feitos. Ahh, é tão bom aquele cansaço de final de corrida longa!


Treino de domingo:

- Manhã
- Sol, vento
- Distância: 18,6km
- Cais de Sodré-Algés-Terreiro do Paço-Alameda

 
Isto de ter corrido uma Meia Maratona, mas sobretudo de ler e seguir muitos blogues de corrida, inclusive de maratonistas e ultramaratonistas, transtorna-nos um pouco a noção de grandes distâncias. Ainda há uns tempos pensaria "18km, está tudo louco!", mas agora penso "ok, é um treino longo, mas não assim tãooo longo". Só quando alguém fora do "mundo da corrida" me pergunta quantos quilómetros fiz e depois da resposta fica a olhar para mim como se estivesse a questionar a minha sanidade mental é que eu me apercebo de que 18km não é propriamente uma distância de gente "normal". As minhas pernas concordam, mas a minha cabeça está convencida de que habita o corpo de uma maratonista olímpica e não há maneira de a fazer ver o contrário.

Quando começaram a evoluir na corrida também não foram mudando o vosso conceito de distância longa?

Uma coisa positiva é que eu acho que as pessoas que correm têm memória curta em relação à dor, pelo que, quando cheguei a casa, já achava que poderia ter perfeitamente corrido os 21km em treino na boa... (é delírio).

Este treino foi também bom para ficar a conhecer o restante percurso da Maratona de Lisboa, já que eu vou estar presente! Calma... não é na Maratona "Maratona"... mas vou fazer parte de uma equipa de estafetas que divide a prova em quatro etapas. Em princípio, ficarei com a segunda etapa (dos 10km aos 21km) e tenho a honra de partilhar a prova com outras três mulheres atletas naquela que, na minha opinião nada tendenciosa, é a melhor equipa de estafetas presente na competição! :) Tenho a certeza de que, pelo menos, vai ser divertido. E vou ter muito tempo de apoiar os restantes colegas que irão participar.

Novidades despachadas, adiante.

Para tentar prevenir dores musculares a uma segunda-feira, que já de si não é um dia bom, depois de chegar a casa da corrida, almoçar e ir beber um café ao local mais próximo possível (+/- 200 metros) - onde passei umas duas horas porque não me conseguia levantar a conversa estava agradável - terminei o dia a fazer alongamentos na forma de yoga. Andei a pesquisar no youtube e encontrei algumas aulas de Yoga for Runners e acabei por fazer esta. São cerca de 20 minutos, dificuldade média, e serviu para me mostrar que ando a perder elasticidade, não pode ser. Avizinham-se mais vídeos de Yoga for Runners num futuro próximo.
 

 
Apesar de todo o esforço ao longo do fim-de-semana, hoje quando acordei ainda tinha o mesmo corpo de sempre. Não notei que a minha barriga estivesse mais definida, nem os meus braços mais torneados, nem as minhas pernas com mais músculo... Muito desapontada. Se leva mais do que um par de dias não sei se me quero dar ao trabalho. ;)

Por outro lado, também não tinha grandes dores musculares. Vou considerar isso uma vitória.

E vocês, muito exercício este fim-de-semana?

Hoje vai ser um dia off total de actividade física. Descansar faz parte do treino, não é o que dizem?


Boa semana!


 

24 comentários:

  1. Hello.
    Belo treino vocês fizeram. As rectas monótonas são também um bom treino para sabermos o que fazer em prova nessas situações.
    Quanto ás distâncias longas, pois é, o conceito mudou. O que é isso de treino longo com menos de 20Km? ;)
    Faz parte da evolução e tu estás quase nessa fase.
    De resto, já sabes como correu o meu fim-de-semana.

    Beijos.

    ResponderEliminar
  2. Claramente a melhor equipa de estafetas =)

    Foi um bom treino o de ontem, depois também me pus a pensar "mais um bocadinho e tínhamos feito uma meia-maratona", mas isso é o que pensamos depois de termos parado. Quando ia a correr já quase que me ia a arrastar.Hihihi.

    Curiosamente também não me sinto dorida. Provavelmente estamos a ficar mais resistentes, o que é muito bom sinal.

    Beijinhos e uma boa semana.

    ResponderEliminar
  3. Bom dia!

    Não, acho que não estavas a delirar quando pensas que conseguias chegar aos 21. Até ias relativamente bem. O problema é quando colocamos na cabeça que é até um determinado sítio, pensarmos em fazer mais. Se estivesses mentalizada que ias para 21, sem dúvida que chegavas lá :)

    E tens razão com o conceito de distância. Eu, no início, fazia dos 21 como uma distância brutal. Agora já a acho mais normal. Em especial depois do treino dos 30, ir à Meia da Nazaré já me parecia que ia fazer uma mais "curta" (estou um "bocadinho" a brincar)

    E olha que tens mesmo alma de futura maratonista. Tens é que nunca descurar os treinos. Como respondia o outro a quem diziam que ele tinha muita sorte em conseguir os resultados que obtinha: "É verdade, tenho muita sorte. E digo mesmo, quanto mais treino, mais sorte tenho!"

    Beijinhos, uma óptima semana e estou contigo na convicção que são a melhor equipa da estafeta! :)

    ResponderEliminar
  4. Eu só caminhei no sábado porque na quinta feira fiz pela primeira vez 21km's =) demorei quase 2h para o efeito...mas por acaso é engraçado porque qd digo a alguém (mesmo os que correm um bocadito para esticar as pernas) acham-me louca, apesar de a unica coisa que eu penso é que só agora começo a estar minimamente apta para participar numa meia maratona...ainda tenho mt que correr. Obg pl dica da yoga para corredores (não fazia ideia que isso existia...tenho d experimentar). Para tonificar o resto do corpo eu faço musculação (sem exageros) e até dá resultado, não só para tonificar como para preparar as pernas/gluteos para as provas com subidas mais agressivas(algo q constactei como extremamente necessário na corrida do Monge ;) )

    ResponderEliminar
  5. Belo treino esse de ontem. Também fui fazer o reconhecimento do trajecto da maratona mas dos dois 1ºs percursos da prova de estafetas. Falta só corrigires que a tua é a melhor equipa FEMININA. Pois a minha é a melhor equipa MISTA. LOL
    Como eu vou fazer o 1º percurso, pode ser que te encontre à minha chegada, se for mais rápido que a tua colega de equipa. :)

    ResponderEliminar
  6. Hello!
    *Estás em grande forma! Já fazes 18 km com uma perna às costas :)
    *Alongamentos = muito importante! mas isso já tu sabes.
    * Exercício = nenhum! Ando a subir pelas paredes em relação a não conseguir utilizar o meu joelho. Faço uma caminhada e fico com dores para o resto do dia...Amanhã vou fazer a ressonância e pode ser que venha com alguma resposta mais concreta (ou não!).
    *"A gente já chegou?"...fez-me lembrar a minha Nina nas viagens:) Não relacionado, mas no outro dia, a jeito de Vitor Gaspar, perguntou-me: "porque é que esta missa é tão ENORME ?". Raramente vamos, mas acertamos sempre nas piores!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Alô :D

    O meu fim-de-semana foi mesmo épico :P Fui para a Benedita (terra do Pedro) para uma festa de anos de um amigo dele (e meu também), estivemos toda a noite a falar uns com os outros sobre assuntos mesmo fixes (incluindo peças do tchekov, das quais eu não percebo grande coisa), viemos embora às 8 da manhã (eu a conduzir cheia de sono e o Pedro com os copos ainda), dormi até às 5 da tarde, vim para Lisboa, adormeci às 11 e acordei hoje de manhã :P Ou seja, o fim-de-semana passou mas eu nem o vi :P

    Beijinhos e boa semana :D

    ResponderEliminar
  8. Pedro: Olá! É verdade, para ti nesta fase 18km é um passeio. :) Quando comecei 10km era um ENORME treino para mim, por isso acho que vou evoluindo (também depende de para que é que estamos a treinar, claro). Beijinhos

    Isa: Claramente! :) Se fosse preciso mesmo acho que conseguíamos mas, pelo menos para mim, já não ia ser bonito. ;) Beijinhos

    João: Já são pelo menos 3 pessoas a concordar, por isso deve ser verdade! ;) Essa frase diz tudo, nada se consegue sem trabalho.
    Eu ia bem, mas as pernas já iam a pesar... digamos que fiquei MUITO contente quando vi a estação de metro de Alameda. ;) Beijinhos e, se não antes, até daqui a 3 semanas!!

    Catia: Se já fazes 21km em treino em 2horas estás mais do que preparada para fazeres uma Meia Maratona!!! Do que estás à espera? :) O fortalecimento das pernas é importante, eu às vezes noto que a nível respiratório conseguiria continuar, mas as pernas já pesam (como ontem). Aqueles vídeos de yoga basicamente são alongamentos, mas com uma vozinha calma a dizer-te para respirares fundo e relaxares... ;) Beijinhos

    Tiago: Há duas semanas fizemos a primeira metade do percurso e agora a segunda. Bem, estou a ver que vamos ter de reclamar o estatuto de melhor equipa no GERAL no dia da competição... lol :) Espero não chegar a ver-te então... :p Beijinhos

    Luciana: Olá! Ainda não é com uma perna às costas, é a arrastar as duas, mas um dia destes chego lá! ;P
    Então mas ainda não estás melhor do joelho?? Que chatice... Sobretudo quando nem podes dar os teus passeios.
    Ahaha, os miúdos dizem as coisas mais engraçadas! :) Beijinhos e as melhoras

    Joana: Estou a ver que foi um fim-de-semana bem passado... ;) Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Vou pegar nesse tema da noção das distancias porque tem a sua "piada".
    Para mim as distancia tornam-se curtas ou compridas conforme não só o treino que temos mas a fase da vida em que estamos.
    Já tive um altura na vida que achava a distancia da maratona algo perfeitamente normal (quando treinava para as 12 horas de Vila Real de Santo António em 1987),
    Neste momento para mim a maratona "aumentou" e já a considero um algo de muito mais complicado que em 87 quando ter os 42,195 nas pernas era algo de básico para quem se propunha ir correr durante 12 horas seguidas numa prova!
    E agora para mim essas 12 horas já são algo do "outro mundo"!

    ResponderEliminar
  10. Jorge: 12 horas a correr são mesmo do outro mundo!:) Admiro os atletas que o fazem.
    Sim, a noção de treino longo ou curto tem muitas variáveis!
    Mas admito que ler blogues/sites de pessoas que correm distâncias "loucas" como se nada fosse, altera a visão que tinha antes de correr 2km que fosse. Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. boa tarde , estou a ver que "passamos" todos pelo mesmo, ihihih

    Quando resolvi começar a treinar com mais critério, "rigor" e "dureza" , as distancias e os minutos/horas , ficaram totalmente baralhados na minha cabeça :)
    ...até criar as rotinas necessárias ao corpo e á mente , de distancia e de minutos , a confusão que era treinar mais de 1h30 ou de correr mais de 10 kilometros , para mim foi um obstáculo muito difícil de superar...

    e a questão do "ritmo" da passada , outro pesadelo , mas isso é outra historia, ehehhe

    ...por outro lado, passado 2,3 semanas desta rotina e habituação, tudo ficou mais simples , menos doloroso e a dar um prazer e alegria maiores :D

    ...e isto de treinar "distancias" conforme as "corridas em que vamos participar" , á tantas teorias que acho que cada um deve ter a sua...claro que há as regras "gerais" e as básicas, mas mesmo assim já tive e já vi exemplos em que deu bons resultados e outros nem tanto...

    ...eu quando digo aos meus tios e primos, (pessoal que para ir ao café ao lado de casa, leva o carro), digo que vou correr uma meia-maratona 21KM!!!...ficam todos a chamar-me maluco, e que isso é muita kilometro, e a brincar comigo sobre o assunto...

    ...recordo-me bem de quando também eu ficava espantado de ouvir alguem dizer que tinha feito uma prova dessas !!

    Agora , as distancias não ficaram mais curtas e sim mais fáceis e gratificantes. :)

    continuação de "grandes" treinos... ;)
    ajb

    ResponderEliminar
  12. AjB: Também tenho família assim, que leva o carro para ir ao café que fica a 300 metros! :) Antes de correr já gostava muito de andar, por isso sempre fui EU que brinquei com eles por causa disso. O engraçado é que algumas das pessoas que não correm não fazem ideia porque participo em corridas. Já me perguntaram: "porque é que vais à corrida tal e tal, achas que tens hipóteses de ganhar?" ??! LOL :) Ouvir "eu corro porque gosto" ainda é estranho para quem não compreende esta maluquice boa. :)

    Continuação de GRANDES treinos a ritmos LOUCOS! :)

    ResponderEliminar
  13. woow, ganda treino :) eu este fim de semana fiz apenas um jogging de 5km. hoje também foi descanso, faz parte :p agora estou mais focada no ginásio, mas correr continua sempre a ser uma paixão. a próxima meia não me escapa :)

    aiii os doces de natal, que me-do ;p tenho de ver se arranjo alternativas mais saudáveis...

    ResponderEliminar
  14. Segunda tentativa de comentar.. a primeira falhou.. e tanto testamento q eu tinha escrito lool

    Nós os atletas de pelotao para tirar prazer de um corrida pequena ligamos imenso à marca atingida... na primeira fase o completar a prova.. numa fase seguinte o melhorar o tempo, eu sinto q passei essa fase e a evoluçao natural é entrar em provas de trail em grandes quilometragem , em que o prazer pleno é o concluir a prova..

    Sinto q 2013 será o ultimo ano com alguns objectivos em estrada.. a partir daqui sera mais longe nem q isso seja muito mais tempo :)

    bons treinos ;) e tens tudo para amar o trail :) eu desde serra d arga a corrida passou a fazer ainda mais sentido!:)

    ResponderEliminar
  15. 18 km para mim deve ser o que equivale para ti uma maratona lol

    Não sei se não me dava uma coisinha má depois de correr isso tudo, mas um dia experimento :P

    Beijinhos e bons treinos! *

    ResponderEliminar
  16. Adorava praticar yoga "à séria" :D Tenho um admiro enorme pelo yoga e até tenho uma aplicação no telemóvel para uma hora de yoga. Só falta começar!
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  17. Hoje também não corri.O corpo pediu descanso. E não me custou nada fazer-lhe a vontade.
    Mas só hoje.
    Em relação a distâncias, já não tenho dúvidas que variar o percurso faz toda a diferença.A novidade torna a corrida mais fácil.

    Bjs

    ResponderEliminar
  18. Hermione: Não corro 18km todos os dias!! Também gosto dos joggings de 5/6km... ;) Olha, não queres fazer a Meia Sportzone de 2013? Gostava de fazer uma no Porto e assim tinha companhia (para a zona da partida, que depois és muito rápida ;)) Beijinhos

    Nainho: Olha aqui uma boa prova para ti: http://www.trilhopaleozoico.com/apresentacao/ (Não sei porque é que há muitos mais trails no norte... humpf! :p) Deve ser gira, pena na semana seguinte estar a pensar ir fazer a 2ª Meia, senão ainda pensava no caso.
    Mais tempo é melhor que mais rápido! ;D
    Se morasse num sítio em que o meu quintal fosse a Serra d'Arga, também me dedicava quase exclusivamente a trails! :)
    Beijinhos e continua a ir mais longe!

    Joana: Olha que eu acho que tinhas uma surpresa se tentásses correr 18km... Mais um ou dois meses e falamos! ;) Beijinhos

    Lady V: Eu depende do yoga... por exemplo, neste que eu fiz a voz da mulher já me estava a stressar um bocadinho... eheh :) Mas olha que há posições que puxam mesmo pelo nosso corpo! Então começa! ;) Beijinhos

    vgoncalves: O percurso, a companhia, novos objectivos... tudo ajuda à motivação. Ultimamente os treinos habituais à beira-rio têm-me cansado...
    Amanhã já podes fazer a vontade ao corpo de correr. :) Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Olá, através do blog do João Lima descobri o tue cantinho e desde há umas semanas que o tenho vindo a seguir com curiosidade.

    Tenho já que te agradecer aquele video de yoga que me deixou num estado mesmo zen, embora nunca tenha feito yoga sou um gajo que tem a mania que tem flexibilidade e ao principio dp video não estava a ser muito facil mas aquilo depois lá entrou no ritmo e quando acabou fiquei tipo, já fomram os 20 minutos!?

    Eu também sou uma espécie de corredor e é verdade que quando nos chamam malucos pelos km's que faze-mos nos dá um certo gozo e boost à auto-estima ;)

    Abraço

    ResponderEliminar
  20. Jk: Olá! Eu acho que aqueles vídeos são uma boa forma de incluir sessões de alongamentos na nossa actividade. Falo por mim, que tenho preguiça de os fazer depois dos treinos.
    Foi bom sentires-te zen, eu houve uma ou outra posição que me deu mais luta. :)
    Sim, quantos mais kms faço mais confiante me sinto, mesmo que termine de rastos (mas isso ninguém precisa de saber..) ;)

    Obrigada pelo comentário!
    Abraços

    ResponderEliminar
  21. Mas porque é que achas que escolhi fazer a Maratona em Dezembro? Claro que foi para depois me empanturrar com as comidas natalicias =P

    E por falar em abdominais, já conheces este video:
    http://www.youtube.com/watch?v=vkKCVCZe474

    Comecei a fazer isto à uns meses (agora já faço o nivel 2 seguido do nivel 3), e os resultados sentem-se bem (embora ainda me falte o tal 6-pack =P).

    ResponderEliminar
  22. kayro: Acho que depois da Maratona mereces um Natal em grande! Mas olha que para alcançares o 6-pack não te podes esticar nas comidas natalícias... ;)
    Esse vídeo não conhecia. Eu não preciso de "packs", só quero uma barriguinha lisinha sem deixar de comer coisas boas :P
    Bjs e bons treinos!

    ResponderEliminar
  23. Olá.
    Bem..vocês estão com uma pedalada que ninguém os segura, o João queixa-se de uma dor recente mas dia 9 apenas devo ter tempo para lhe desejar boa prova e quanto á equipa maravilha ( feminina) das estafetas fico-me pelo Olá..

    Distâncias) Sim.. claro que á medida que vamos avançando, naquele processo natural que é mais cedo ou mais tarde a maratona, esta surge como algo óbvio, começámos num processo de relativização prévia. É algo que aprendemos a aceitar como uma distância normal
    Até para pessoas que julgam que somos tudo menos “normais” ;) , Se pensarem nos meses / anos de preparação, na regularidade (diária) de treinos e objectivos começa a parecer menos “ anormal” é como habitualmente digo em casa ou no escritório, em relação ás ultras ou maratonas (1º estranha-se depois entranha-se)
    Não sei se com vocês será o mesmo mas comigo é assim. Quando não treino nem pareço o mesmo, sinto falta dos meus treinos de 1h ou mais. Quando treino sinto-me outro (até melhoro animicamente e tolero melhor a monorcordia passiva do Vítor Gaspar que anuncia mais um ataque ao meu bolso) Na minha casa acham que é uma forma de punição correr tanto tempo, tantos quilómetros, que bastava fazer umas corridinhas e já estava.

    Eles não sabem..:)
    Mas eu sei !! Nós que corremos sabemos porque o fazemos !!

    ResponderEliminar
  24. Jorge: :) "Eles não sabem..." Agora fizeste-me lembrar o texto "Esses loucos que correm". Já deves conhecer, mas se não conheces pesquisa, está muito bem escrito.
    Tu e o João no dia 09 nem se vão lembrar dos problemas recentes no joelho, é só cuidarem-se até lá.
    O teu ritmo de maratona não deve andar muito longe do meu para os 11km :), por isso pode ser a gente se encontre pelas ruas da prova.

    Bons treinos até lá! Bjs

    ResponderEliminar