8 de março de 2013

Playlist #6 - Girl's Edition

A música é das coisas que mais facilmente me faz ter flashbacks, viagens ao passado. Posso estar no meu carro, a conduzir, e passar aquela música, e de repente estou outra vez no meu primeiro festival de Verão, ou a viver o meu primeiro amor(ico),  ou numa esplanada, nas tardes de cartadas no campismo, ou num comboio que me levou a percorrer quilómetros, assustada e entusiasmada com a responsabilidade que só a independência nos traz, ou nos bancos da faculdade, a desesperar pelo peso das decisões a tomar... Todas as fases da nossa vida têm banda sonora, mesmo que a gente, no momento, não se aperceba disso.
 
Por isso, há músicas que, mesmo que já não as oiça com frequência, serão sempre minhas.
Como a Bullet With Butterfly Wings, dos The Smashing Pumpkins, que sempre me fará lembrar aquela matiné de sábado na discoteca, em que dei um beijo ao V., adolescentes, ocultos no corredor que levava aos vestiários, num misto de expectativa urgente e timidez, como todos os primeiros beijos a alguém (podia ter sido uma música mais romântica, mas foi o que calhou...). Como, ao ouvir Creep, dos Radiohead, é impossível não me lembrar das angústias do primeiro desgosto, que achamos que é sempre irrecuperável e definitivo, mas não foi. Como o Chegámos ao Fim, dos Peste & Sida, me vai sempre lembrar quando festejei os meus anos num concerto deles no Ginjal e repetiram esta música 2 ou 3 vezes, porque as pessoas não se cansavam de pedir encores. Como, aos primeiros acordes de Come As You Are, vejo novamente o F. a dedilhar na guitarra, acompanhado em vozes pelo grupo que rodeia uma mesa cheia de finos. Como o álbum Around the Fur, dos Deftones, tocado em repeat, me fará sempre lembrar as tardes, que se tornavam noites, de "estudo" em casa da R.  Como, ao ouvir o La la la la la inicial da Self Esteem, dos The Offspring, me lembra sempre a I., e como ela largava tudo e desatava a correr para a pista, quando ouvia esta música, arrastando-me consigo. Como a Roadhouse Blues me transporta para a viagem de camioneta nocturna para Madrid, em que The Doors se ouviam, saídos da rádio que o condutor escutava, baixinho, mas o suficiente para entrar nos meus sonhos e me despertar, ficando ali, na semi-obscuridade, let it roll, baby roll... entre o sono e a realidade, you gotta roll roll roll, you gotta thrill my soul..., a olhar para a auto-estrada escura lá fora. Como todo o Best Of dos Sublime me fará sempre reviver as primeiras férias de Verão na costa alentejana, condutora recente, a conduzir em finais de tarde preguiçosos, lado a lado com o mar, de janelas abertas por onde entrava o cheiro da praia e as ondas de calor quase visíveis, pele salgada e cabelos cheios de areia... Tão livre. Como Where is My Mind, dos Pixies, repete aquele exacto final de tarde, em que andava pelas ruas a correr, de cabeça baixa a proteger da chuva, auriculares nos ouvidos, e tive um daqueles treinos perfeitos.  Como, mais recentemente, o À Minha Maneira, dos Xutos, vai sempre fazer parte da minha primeira Meia Maratona...


A verdade é que ando sempre à procura da próxima banda sonora, tanto na minha vida como agora nas minhas corridas, e é por isso que, de tempos a tempos, partilho as minhas escolhas. A música tem um poder fantástico no nosso humor, por isso, porque não usá-lo para nos impulsionar durante os treinos?

Hoje, por ser Dia da Mulher, resolvi criar uma playlist temática e deixo-vos com escolhas de, e com, mulheres. Para não ficar limitada ao meu gosto pessoal, pedi a colaboração de algumas amigas, que deram tantas sugestões (obrigada!) que, infelizmente, tive de seleccionar, de forma a que a lista não ficasse muito extensa. Talvez haja espaço para uma parte II, futuramente.




Playlist #6


Senhoras e senhores, aqui ficam bandas e vozes, no feminino, para vos pôr a abrir nos próximos treinos e corridas.

22 comentários:

  1. Neste momento, para o treino de Intervalos, está-me a dar jeito o Call Me The Breeze:

    Como não há nenhum video de ninguém a correr ao som disto, vai de mota, que também exemplifica muito bem :D

    http://www.youtube.com/watch?v=rCVQWVxHl4k


    (sim, eu devo ser a única alma corredora que corre com música country... nem sei porque é que nunca me deu para ir de chapéu de cowboy e gritar "iiihhh haaaaah" a cada quilómetro cumprido).

    Bom fim de semana!
    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Há duas maneiras de se ouvir música. Ter apenas um som de fundo ou escutar a música que no momento nos preenche os sentidos.
    E esse momento tanto pode ser pela disposição com que se está ou com a que se vai passar a ficar.

    Entre tantos e tantos, que será injusto não referir, uma menção muito especial aos Tangerine Dream, Pink Floyd e Vangelis.

    Beijinhos e que a tua próxima banda sonora seja marcante

    ResponderEliminar
  3. Adorei o texto :D Eu também tenho imensas músicas que me fazem lembrar de tantas coisas... Olha, a Big in Japan é uma delas! :) E a It's Oh So Quiet também :)

    Espero que tenhas uma óptima Sexta-feira :)

    Beijinhos! :)

    P.S: Já ouviste falar da campanha da Adidas para Meia Maratona? :)

    ResponderEliminar
  4. Olá Rute, ai música, música...sabias que já tive uma loja de música (de aldeia)...tinha uns 22 anos, e num acesso de loucura lá montei uma loja na parte de baixo da casa dos meus pais...gastei uma pipa de massa e hipotequei o meu tempo livre...foi no fim da era do CD, quando começaram a aparecer os mp3 e é escusado dizer, que não tive grande sucesso nos 3 ou 4 anos em que o negócio esteve aberto - chamava-se "Curtisom". Voltando às músicas temos gostos muito parecidos (aliás já tinha reparado nisso noutras alturas...)...muito grunge, muito rock e punk....Sublime é muito bom (tenho que procurar um cd que tenho lá por casa algures num caixote).
    Por fim um Feliz dia Mundial das Mulheres para todas as Mulheres do Mundo e de Portugal tb:D
    Beijinhos e continuação de Boa Música

    ResponderEliminar
  5. Anónimo8/3/13

    Não desfazendo das outras, mas a lista da S. está um Espectáculo. ;)

    ResponderEliminar
  6. The Signal - Berty Cox, entre milhares de outras. :)

    ResponderEliminar
  7. Bluesboy: Estás a gozar, mas essa música tem power para correr! :) E podias gritar iiihh haaah a cada km... Será que há uma opção dessas para o toque do Garmin? ;p
    Há uma banda que gosto muito, os Old Man Markley, que têm influências country, mas assim num género mais "progressivo", digamos. Também dá muita pica para treinar ;). Beijinhos e bom f-d-s

    João: Há músicas que escolhemos e outras que nos escolhem a nós (hã... pensamento profundo!:) ) Vangelis era uma boa banda sonora para o cortar de meta da tua próxima Maratona... ;) Beijinhos

    Joana: Dos Guano Apes tenho o Lord of the Boards na playlist, mas a tua sugestão também tem muita energia! :) Qual campanha, a das tribos? Não ouvi falar de nada, tenho de pesquisar. Beijinhos e bom f-d-s

    Carlos: Olá. Curtisom era um bom nome! Um vizinho meu passou pelo mesmo, mas com um negócio de Clube de Video... depois com o crescimento da net e dos downloads... pronto. Sublime para mim é sempre Verão! Houve uma altura que ouvi muito, juntamente com Reel Big Fish, Pepper e outras do género. Acho que são a banda sonora ideal para férias. :) Obrigada em meu nome e de todas as Mulheres do Mundo e de Portugal também. :P Beijinhos

    Anónimo: Oh! S., és tu?!!!!! :D lol

    Luis: Obrigada pela contribuição. É um género de música que não oiço tanto, mas quanto mais variedade melhor! :)

    ResponderEliminar
  8. Tem power, tem :)

    Esta também
    http://www.youtube.com/watch?v=ZQxAAWnzpc8

    O meu Garmin 110 não pia... acho que vou ter que treinar as cordas vocais para os "iiihhh haaaaah" mesmo.

    Obrigado pela sugestão. Vou explorar os Old Man Markley, que estou a precisar de mudar um bocado a minha playlist e vou fazer treino longo no Domingo. :)

    Bom fim de semana! :)

    ResponderEliminar
  9. Mais um belo texto R. E nesse texto estão contidas grandes "malhas" que me vão passar a acompanhar nas corridas e que não me lembrava delas quando fiz a playlist "Corrida". Dá para perceber a rockeira que há em ti. Eu fiquei também muito agarrado à música de 80 e 90 e é ela que me acompanha para todo o lado e faz parte da banda sonora da minha vida. Do rock, ao Ska, passando pelo grunge e o punk.
    boas corridas e muita música. Bjs.

    ResponderEliminar
  10. toma lá...de gajas...

    http://www.youtube.com/watch?v=NAdlZ2F-fs8

    ou

    http://www.youtube.com/watch?v=fxvkI9MTQw4

    e para finalizar, não é de gajas, mas como gostas deves gostar de RHCP encontrei esta versão do Emily do Simon&Garfunkel do john Frusciante...e adorei....e como as gajas gostam tb do Frusciante (até a minha filha com 7 anos)...pronto aqui vai.....

    http://www.youtube.com/watch?v=WCmrKgjRb1c

    Bom fim de semana

    ResponderEliminar
  11. Bluesboy: Esta tua última sugestão lembra mesmo um rodeo, ou aqueles bares típicos, com o touro mecânico, em que se dança de botas de cowboy e se cospe para o chão! eheh :) Bom treino longo!

    Tiago: Oiço muita música dos anos 90 sobretudo, é verdade. Acho que é normal, são as fases da vida que marcam mais. Depois podes criar uma playlist para a 1/2, para trocarmos sugestões! Beijinhos

    Carlos: Xiii, L7! :) Aos anos que não ouvia esta música. Eheh o Frusciante... Não vou dizer que sim nem que não... :p Mas é uma bela versão. Há que educar logo os gostos musicais desde pequenos, vê aqui para o teu novo rebento: http://www.rockabyebabymusic.com/. Está engraçado, são covers de bandas rock em versão de embalar para bebés! (Tens de fazer scroll para ouvires as demos dos cds) Thanks! Bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
  12. H Somos moçoilas com muito bom gosto! É o que tenho a dizer... gaijas com um nato excelente gosto musical. Lol
    Realmente!! Falta a lords of the boards! Como é possivel!!!
    Gosto mt a tua primeira musica :D
    Vou colocar essa musica no mp3 para a segunda oprtunidade

    E o teu texto, como boa escritora que es, esta altamente
    E é verdade... temos muuuuitas bandas sonoras.por exemplo, adorava a minha vida quando ouvia a nookie. Hahaha
    Siiiim, eu fui completamente fa de limp bizkit e tambem ja fui cometamente fa de tool. :D

    Beijinhis grandes minha linda
    Bom fim- de-semana

    ResponderEliminar
  13. Moça: Ahah, na primeira música é a minha gaja BOUA, a Brody Dalle!! E, pronto, também gosto da voz dela... :D Agora tem outra banda, mas The Distillers tinham grandes músicas.
    Ai meu Deus Limp Bizkit!! Eu não costumo agora dizer isso muitas vezes (em voz alta), eheh ;), mas também fui fã e até fui ao 1º concerto deles no Atlântico... I did all for he nookie, the nookie, so you could take that cookie! lol :) Good times... ;) Tool já não ouvia tanto.

    E concordo, aqui está uma lista de excelsa qualidade! :)

    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  14. Realmente as músicas têm um fantástico poder de nos trazer memórias e lembranças até nós :)
    Valerie deve ser uma música excelente para se praticar exercícios :D
    Acho que até vou sacá-la!
    Se gostas de coisinhas americanas tens mesmo de visitar a loja :D Vais-te perder :)
    Beijinho*

    ResponderEliminar
  15. Epá, é assim, os Smashing Pumpkins são meus ouviste? :P
    Também gosto imenso de Radiohead, Nirvana e Pixies, mas os Smashing são meus! ;)
    Beijinhos e até amanhã!

    ResponderEliminar
  16. Isa: Tendo em conta que ainda estavas na primária quando saiu o Mellon Collie, acho que tenho direitos de antiguidade... ;) Mas fazemos assim: eu fico com os SP de Siamese Dreams e Mellon Collie e tu podes ficar com os SP de aí para a frente. :) Beijinhos

    ResponderEliminar
  17. Ficas com o Siamese Dream e eu com o Mellon Collie e com o Gish =P
    O Mellon Collie and The Infinite Sadness é "só" daquelas obras primas que por aí andam. É dos albuns mais especiais para mim.
    Bjs

    ResponderEliminar
  18. O "Still loving you" dos Scorpions
    deixou-me boas memórias. Estou a ficar velho.
    Não conhecia e gostei dos Distilers, da Imelda May e dos Paramore.

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  19. ...just my two cents !!

    (apesar de ser girl power Edition) , querem igualdade então vou meter a minha sugestão no meio ! :P


    Eu é som um bocado mais "pesado"(é mais bolos) ,(mas em "respeitinho" ás girls) , aqui vou mais suave e ritmado (umas mais que outras claro , mas dentro do mesmo estilo), e estas são algumas que me fazem bem a correr , e correr bem (ou não) ! ;D


    Modest Mouse - Dashboard

    Franz Ferdinand - Walk Away

    The Strokes - Hard To Explain

    Arctic Monkeys - The View From The Afternoon

    Editors - The Racing Rats

    ...a (representante) dos anos 90s :D

    Peter Murphy - Cuts You Up


    ...e uma mais "pesada" para acabar a minha intromissão !!
    (já correste ao som de Slipknot ??) era só recordes a cair !!!! :D

    Slipknot - Before I Forget



    Peço desculpa pela quantidade e claro , pela "subjectividade" dos gostos musicais !!

    Boas corridas , bons treinos e boas musicas !!
    ajb

    ResponderEliminar
  20. Isa: Então vamos ter de andar à porrada pelo MC&IS (mas agora não, que estou em convalescença.. :p), porque é um dos álbuns da minha vida. Acho até que o Billy se inspirou em mim para escrever muitas daquelas lyrics. ;) Beijinhos

    V: Still Loving You? Estás mesmo a ficar velhote! ;) Descobri a Imelda "por acaso" e admira-me não ser mais conhecida, porque tem um estilo muito próprio. Beijinhos

    ajb: Também tenho The Strokes e Artic Monkeys na playlist, os outros tenho de ouvir com mais atenção. Mas assim de repente a dos Editors parece-me bem. Tkx!
    Então e as vozes femininas e bouas? :)
    Se já corri ao som de Slipknot... pffff... (eheh) eu fui uma adolescente nos anos 90, isso nem se pergunta! :p É Slipknot (Spit it Out é melhor para correr, experimenta!;)), SOAD, Coal Chamber, Machine Head... Na minha cabeça é sempre a abrir, o resto do corpo é que pode não colaborar. ;) Beijinhos

    ResponderEliminar
  21. http://www.youtube.com/watch?v=YFoJM2tTFlY

    ResponderEliminar
  22. Ricardo: Obrigada pela partilha! Não conhecia a música, também é uma boa opção.

    ResponderEliminar