21 de dezembro de 2014

66 Km

Dia 20 de Dezembro de 2014 corri 66 km. E "correr" é a palavra-chave, já que, ao contrário do que estou habituada, este percurso de trail podia ser corrido na íntegra.
Apesar dos seus apenas 2000 metros de ganho de elevação, para mim foi a prova mais difícil até hoje e que, por cliché que pareça, me ensinou muitas coisas. (Curiosamente, nenhuma dessas coisas foi: "Não tornarás a correr 66km").

Depois volto com o relato completo do que se passa na mente de alguém durante perto de 10 horas de prova. Por enquanto, alguns destaques em lista:
  • Quando a designação de uma corrida é de 60+, isso significa que poderá ser qualquer coisa entre os 61 e os 69 km, foram 66. A partir dos 60, todos os quilómetros ganham uma dimensão enorme.
  • Demorei menos tempo a completar estes 66km do que os 53km de Arga, por exemplo. Mas acreditem que isso não traduz em nada a enormidade da luta que foi para cortar esta meta.
  • Ao início cheguei a estar, se não em último lugar, muito perto disso. Ao contrário do que sempre pensei, não me preocupou.
  • Foi a prova em que menos tempo passei a falar. Segundo quem me acompanha, "isso é bom". Qualquer coisa sobre "apreciar o conforto do silêncio", ou algo do género. Foram muitas horas de contemplação.
  • Entre os kms 50 e 60, praticamente só abri a boca para dizer " 'tou cansada", ou proferir alguma asneira. Não estou orgulhosa disso.
  • Os músculos utilizados nas subidas não são os mesmos das descidas, e esses estão claramente sub-desenvolvidos. Vamos-nos lembrar muito disso quando, a partir de certa altura, tivermos de fazer todas as descidas a caminhar.
  • Nos momentos de maior dificuldade vamos pedir força, em silêncio, para nós. E (acreditamos que) ela chega.
  • A menina que (quase) nunca chora descobriu que é preciso chegar aos 62km de uma corrida para todas as barreiras se desfazerem. Vão-nos perguntar porque estamos a chorar e nós, apanhados de surpresa por esta atitude tão atípica nossa, respondemos com sinceridade: "Não sei". Choramos de cansaço, de emoção, de alegria... Por tudo isso ou nada disso.
  • Terminar a prova na praia, ao pôr-do-sol, vai ser o final de dia perfeito, para um dia de sentimentos à flor da pele.

Peço desculpa pela fraca qualidade da foto.

Ah, e:
  • Correr 66km não vos vai curar da constipação. (Eu sei, quem diria?...)

Ericeira Trail Run. A terceira Ultra desde que decidi perseguir esta aventura em 2014 e a melhor forma de fechar o ano. Entusiasmada para 2015.

32 comentários:

  1. Fiquei sem palavras, muitos parabéns!!! Correr tantos quilómetros não é para todos. Eu acho que morria, hehe :-) Um beijinho e força para 2015, boas festas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E "morres". Mas depois ressuscitas. ;)
      Obrigada!
      Beijinhos e boas festas.

      Eliminar
  2. Rute,
    Que saudades que eu tinha de vir aqui :)
    Já me estive a actualizar.
    Arranjaste um substituto viável para o Garmin?
    Ficaste melhor, mesmo sem ouvir José Cid?

    É claro que tens de ficar orgulhosa com os 66Km!...e isso de chorar "sem motivo" é mesmo coisa de gaja :)

    Beijinhos grandes e se eu não conseguir desejar de um modo mais pessoal ficam já os votos de...Feliz Natal :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha, não sei, chorei sem motivo (se bem que tinha 66 deles) e nem sequer estava "naqueles dias" ... É a loucura. :)
      Obrigada, Lu.
      Beijinhos grandes para ti também, e Feliz Natal com o teu menino Jesus. :)

      Eliminar
  3. Grande "Menina"....espectáculo...muitos, mas muitos parabéns!!! És um maquinooommm... 2014 foi espectacular, 2015 vai ser melhor...
    Beijinhos e boa recuperação

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Cardoso. :)
      Não, maquinoommm és tu. ;)
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Estou sem palavras, Rute!
    Não me apercebi que ias a esta prova e constatar agora que foste uma dos 100 atletas que completaram esta prova, deixou-me muito feliz e orgulhoso.
    Parabéns!!! O que já cresceste como atleta!!! :)
    Repito, estou sem palavras! :)))

    Muitos e muitos parabéns!!!

    Beijinhos grande ultra-atleta!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada João!
      Não foi fácil mas, no meio da dificuldade, entrei num "modo de corrida" que nunca tinha entrado antes. Ainda estou a assimilar a experiência.
      Beijinhos grandes

      Eliminar
  5. PARABÉNS!!!
    E já vão 3!!! Espectáculo!
    Que em 2015 seja ainda melhor e mais brutal!
    Boa recuperação.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Epah espetacular :) Parabéns Ruter!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 'pétaculo, não foi? :)
      Obrigada, beijinhos.

      Eliminar
  7. Quer dizer, nem foste capaz de dizer um olá quando passei por ti em sprint ao km 55?!
    Claro que não foste capaz, eu só fiz os 22kms! :)

    Mas, sem o saber, aplaudi a tua partida! :)

    Quando aos músculos a descer, não podia concordar mais, era vê-los a passarem por mim em alta velocidade e eu ali quase a andar. Curiosamente, acontecia o mesmo a subir.... e a direito, vá! :)

    Para o ano, quem sabe, se o ano do meu primeiro ultra. Por enquanto, e há tão pouco nisto dos trilhos, ainda não estou preparado para tal.

    Boa recuperação e muitos parabéns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelos aplausos à partida então! :) Suponho que à chegada já estivesses tu de banhinho tomado em casa. :D
      Mas bom, o meu segundo "objectivo", depois de conseguir terminar, era conseguir terminar sem ter de ligar o frontal, e foi mesmo à justa. :) Chegada com o pôr-do-sol no seu esplendor. (Mas eu já nem ligava, queria era terminar :D)
      Olha que isto das descidas é bem verdade, foi o pior para mim... Custou-me muito tempo,
      Parabéns para ti também! Obrigada.

      Eliminar
    2. Quero fazer umas quantas corridas/treinos até meio de 2015 e depois começar a sondar um ultra fácil para correr um até final de 2015. Sugestões aceitam-se! :)

      Imagino a beleza que terá sido cortar a meta e ver o pôr do sol do cima das escadas!
      Escadas essas que, claro, tive que descer a andar e quase ao pé coxinho, tal não eram as dores no joelho direito.

      E foi uma prova muito gira, apenas com algumas zonas onde se tinha que ir em fila, mas de resto, impecável!

      Eliminar
    3. Ultra Trail Monte da Lua. 50km, perto de casa. (Mas há que ter noção que "ultra" e "fácil" são dois termos difíceis de conjugar... ;) )

      Eliminar
  8. Anónimo22/12/14

    Alguém já disse, e eu repito!... Estou sem palavras!…
    Eu que me tinha em alguma (muito pouca) conta nesta coisa dos trilhos fui aos 22k! Esta menina, que corre pouco…, diz que é fraquinha…lamuria-se todos os dias das suas alegadas menos valias atléticas… e ainda por cima doentinha de pedir recato e caminha… afinfa-lhe com com 66k! Assim como que não que a coisa… e ainda a queixar-se das descidas há e tal… e só 2.000 de subidas, e o pôr do sol e o camano. Ok! recolho-me ao meu canto! Só volto a correr quando me conseguir esquecer... Ia-lhe dar os PARABÉNS pela coragem e conquista, ma não dou, prontos! Pedro

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lol Então e a parte do ter sido muito difícil, a mais difícil para mim até hoje, e que até chorei?! :)
      O "só" 2000m é relativo claro, era apenas por comparação a outras supostamente mais duras nesse campo. Sinceramente, durante a prova, já nem sabia o que era pior. :D Mas pronto, aprendi algumas coisas, descobri outras sobre a capacidade de resiliência (piroso, eu sei, mas verdade) e percebi que há muito trabalho a ser feito para 2015.
      E dou eu os Parabéns, pelos 22km! :)
      PS: Obrigada. :)

      Eliminar
  9. Parabéns, Menina, Parabéns!
    Decididamente não é para todos, e está visto que Ultras são a tua praia, de preferência ao pôr do sol.
    Ansioso por 2015.
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)
      Ultras NA praia é que não sei se são a minha praia, pelos vistos... :/
      Obrigada, Hélder.
      Bjs e bom Natal!

      Eliminar
  10. Parabéns Rute!
    66 km!!! Estás em grande!
    Boa recuperação!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  11. Parabéns! (66 kms??? Livra!).
    Deve ter sido uma coisa portentosa. Queremos o relato completo!!!
    Um beijo e boas festas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Paulo! Sim, foi! :) Em todos os sentidos.
      Bjs e boas festas!

      Eliminar
  12. Sem palavras, "granda maluca"....Muitos parabéns !!!
    Beijocas e Boas Festas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, Carla!
      Beijinhos e boas festas para vocês também.

      Eliminar
  13. "Alone we run faster , but together we go further"


    Parabens.
    bjs
    ajb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. True. Pelo menos a segunda parte, para mim. :)
      Bjs
      Obrigada...

      Eliminar
  14. Muitos, muitos parabéns!!!
    É muito bom "assisitir" à tua evolução. Tens trabalhado para isso. Mereces!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Anabela!
      Um grande ano de 2015 para ti.
      Beijinhos

      Eliminar