23 de abril de 2015

Another one bites the dust*

No fim-de-semana passado, em vez de um longão, resolvi dividir o treino em dois semi-longos/longos em dias consecutivos. Foram 19km e 24km, respectivamente:

Monsanto



Serra de Sintra


Era algo que já queria experimentar há algum tempo, para ver como as pernas reagiriam. Não sei se por no Sábado terem sido "apenas" 19km, sem grande acumulado, mas no Domingo, para além dos primeiros quilómetros que me são sempre custosos, até nem notei nenhum cansaço acrescido. Para a próxima testo estes treinos ao contrário: um treino maior e com mais desnível primeiro, seguido de outro mais rolante, mas igualmente em trilhos, para ver como corre.


No meu local de trabalho não costumo fazer grande alarido das minhas corridas (é para isso que tenho o blogue.:)), mas é inevitável acabar por falar deste meu hobbie com os colegas mais próximos. No entanto, palavra puxa palavra, acabei por ficar conhecida pela grande generalidade dos colegas como "a miúda das corridas". (Na verdade, acho que alguns são capazes de usar outra palavra começada por M...e acabada em "aluquinha":)). Assim, quando acabamos por estar numa situação de convivência em que se faz conversa de circunstância, vão buscar o tópico que me está associado - "E então essas corridas?"
Sei que a maior parte não tem qualquer interesse por este mundo e apenas pergunta por simpatia, por isso não me alongo, mas alguns acabam por ficar contagiados pelo entusiasmo com que falo e até já tive um colega que veio ter comigo e que anunciou todo contente que se tinha inscrito na sua primeira prova de trail! Fiquei feliz, mas fiquei ainda mais feliz depois, quando me disse que tinha morrido E gostado bastante. Só alguém que passa por isso é que pode compreender como estas duas frases aparentemente contraditórias podem estar ligadas por uma conjunção aditiva.

Desde aí, tem andado bastante entusiasmado e faz as típicas perguntas, entre as quais: "Qual a prova mais difícil que já fizeste"?...

Para mim é sempre difícil responder a este tipo de questões. Se me perguntarem agora, responderei que foi a Ultra do Piódão, mas se calhar apenas porque é que a está mais fresca na memória. Se pensar um pouco, e basta consultar os arquivos que não me deixam mentir, acho que na altura me "queixei um bocadinho" da Serra d'Arga... E Lousã também não foi fácil, apesar das dificuldades terem ficado relevadas na memória devido à beleza daquela serra.
Estas são as provas que supostamente tiveram o percurso mais difícil de todas as que fiz até agora. No entanto, se falarmos em termos das provas que me custaram mais, acho que nem chegam ao pódio. Curiosamente, as provas que me custaram mais fazer nem sequer foram ultras (Almonda e Socorro e Archeira), portanto é sempre tudo muito relativo.

Aqui há uns tempos fazer um longo ao fim-de-semana já era coisa para me deixar empenada até segunda-feira, quanto mais dois! Por isso, o que eu lhe respondo é que a melhor, a mais desafiante, é sempre aquela que está por vir. Porque vamos sempre aumentando a fasquia à medida das nossas conquistas e sonhos.
Este meu colega começou por um trail de 12km e no fim-de-semana passado concluiu os 14km do Trail das Linhas de Torres. Segunda-feira começou a pesquisar provas maiores. É assim que se começa... acho que já não tem salvação! ;)


*O título desta crónica deve o seu nome ao muito apropriado êxito dos Queen

17 comentários:

  1. Acho que devias era fazer 2 treinos iguais, dois dias seguidos. Fazeres um rolante depois de um mais puxado, vai ser descanso para as pernas. Enquanto que rolante antes de puxado, não cansa as pernas. :)
    Faz Piodão dois dias seguidos! hahaha

    Um dia escrevo sobre isso de nos perguntarem sobre as corridas, mas só porque sim. :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso a mim custam-me sempre mais os treinos rolantes, se bem que aqui o "rolantes" é relativo. :) Monsanto é mais rolante que Sintra, sim, mas também não é nenhuma autoestrada! ihih :)
      Até podia fazer Piodão 2 dias seguidos, mas se calhar no 2º dia andava lá 20 horas!:D
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Por acaso quando começaste a falar em prova mais difícil pensei logo que fosses falar do Almonda eheh Mas sim, concordo contigo, acho que já tive umas 4 ou 5 "provas mais dificeis"! Adivinha lá qual é agora...ehehe Também gostava que algum colega de trabalho corresse. Já estou farto de tentar explicar que não faço caminhadas eheh Ah, e é sempre engraçado quando me equipa na obra no fim do dia. Nada como o olhar de desdém de 4 pedreiros e 5 serventes ahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Almonda, essa cruz psicológica que carrego... :D
      Por acaso tenho uns 3 ou 4 colegas que correm,mas ou é na passadeira no ginásio ou 5 km ao fds e está bom! :)
      Ahah Nunca me equipei no trabalho, porque acho que não ia aguentar esses olhares (e bocas). :)
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Sinto falta de fazer longos (desse calibre) quanto mais em Monsanto e em Sintra (Chuáaaaaaaaaaaaa).
    Tem graça essa cumplicidade que se ganha no trabalho quando nos vêem como nerds da corrida, não é?
    E a corrida de montanha tem qualquer coisa que faz vibrar cá dentro.
    Como é que ficaram as pernas?
    Bons treinos
    Também não tenho salvação. Vou ter de me entregar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A maior parte não entende porque raio alguém há-de "correr" tantos quilómetros ("não foi para isso que se inventaram os carros??", dizem.) e eu até compreendo. Mas nós sabemos porquê. ;)
      Por acaso recuperei bem e nem fiquei com dores musculares. mas também não forcei o ritmo no Domingo, foi ritmo passeio, deu para "descansar"... :)
      Bons treinos!
      Não tens salvação mas é uma bênção. ;)

      Eliminar
  4. Já está apanhadinho! Eh eh!

    E tu, comes quilómetros com uma facilidade estonteante :)

    Beijinhos e Keep on Running!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mais um! :)
      "Facilidade" é como quem diz! :D Mas sim, com gosto! :P
      Beijinhos
      (Essa recuperação? Pronto para outra?) ;)

      Eliminar
    2. Ainda a recuperar :)
      Não pela Maratona mas pela ultra que fizemos nos 6 dias seguintes por toda Paris.
      Após uma Maratona, passar os dias seguintes a andar estilo 10 horas por dia, é obra, mas que não podia ser evitada :)))
      Quanto a outra... 18 de Outubro, Lisboa

      Beijinhos

      Eliminar
  5. Somos todos iguais, só pensamos em mais uns kms ;)

    ResponderEliminar
  6. "Coitado" do teu colega está a ficar viciado!
    Esse tema das provas mais difíceis é bastante interessante!
    Para mim do ponto de vista pessoal as provas mais difíceis não são as tecnicamente mais complicadas ou com mais km mas aquelas que nos custam mais a acabar!
    Posso dar o exemplo da Meia Maratona de São das Lampas em 2011 onde acabei muito pior que nas minhas modestas 4 maratona ou mesmo nas 12 hora de Vila Real de Santo António, em 1987, onde corri 101,650 km!
    Mas em relação as Lampas no ano seguinte vinguei-me fazendo a prova em menos tempo, e acabando incomparavelmente melhor e não satisfeito no domingo de manhã ainda fiz a Corrida do Avante.
    Beijinhos. .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ihih, mais um! ;)
      Concordo. Há provas teoricamente mais difíceis que outras, mas a dificuldade que temos em terminar as provas depende muito de como estamos no dia.
      É bom quando temos essas "vinganças". :)
      Beijinhos

      Eliminar
  7. Ahhh....és das minhas...Missionária da nossa missão...por todo o mundo a correr....tb tenho alguns discípulos :):):) ...mas eu uso a táctica do chaganço...
    ...sim senhor, longos em dois dias seguidos como vem nos livros.... a mim não me enganas! A menina anda a magicar algo em grande....aposto!!! Tb gostava de ter tempo para isso, quer dizer dois longos em dias seguidos (magicar consigo magicar muita coisa, já concretizar...hmm)...mas não dá, tenho outros afazeres....tás uma maquina.
    Beijinhos

    P.S. Não queres contar aqui ao teu amigo o que andas a magicar? ...hehehe

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu digo sempre que o mais importante é dedicarem-se a uma actividade que gostem, é esse o truque! ;) Nem todos compreendem que este é um dos melhores desportos do mundo. :P
      Não, ainda não ando a magicar nada em grande, pelo menos ao nível do teu UTSM! :) Mas ando a preparar o próximo desafio, quando me inscrever comunico. ;)
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Nice , Parabéns , não são treinos para todos , ainda por cima em serras e locais tão diferentes !

    Mas vamos lá "discutir" a coisa ! :P

    "dois semi-longos/longos" !! Ora este conceito de longos e semi , é deveres subjectivo !

    Eu continuo na minha...
    , o treino "ideal" para isto de ser "ultra" ou pelo menos tentar , é o treino em que te sentes bem a fazer! , seja se correres 8k ou 30k num treino !

    Na brincadeira , depois de um treino mais bruto e estupido em que fico todo empenado e durido , costumamos dizer que " isto tá a doer cumá merd@ , deve estar a fazer efeito" !!

    ...e eu não faço "especifico" de nada, nem rampas , escadas , series, nada... , é o que me dá na gana nesse dia ! :)

    Já tive oportunidade de tu dizer , "tu és ultra, certo?" , e que treinas durante a semana ?
    Fazes treinos de 8k e 12k durante a semana e não é todos os dias certo??

    És a prova viva que isto de correr e ser ultra , mais do que o corpo e o treino metódico, ou muitos kms nas pernas... , é 90% cabeça , garra , coragem , poder de sofrimento e determinação ! e disso tens de sobra :)

    Havia muito mais para "discutir" sobre a tematica mas tou cansado e tenho que me poupar... :P

    Isso da "prova" mais dificil , tambem é muito engraçado !
    Teoricamente devia ser a mais longo que fizemos , certo?
    Mas é verdade , normalmente não é ! Nem que tenha sido o MIUT !! :P

    Se perguntar ao pessoal que conheço disto dos trails , tenho a certeza que , a mais difícil , não foi a mais longa do curriculum , ou a mais "alta".
    É quase sempre uma que "subestimamos" , uma daquelas "longuinhas" que se faz na boa ! ;)


    ...bem já me estou a alongar muito e ainda não disse nada de jeito ! :)

    Ou seja , continuação nesses treinos longos e seguidos , se tá a doer é porque fez efeito e serviu para alguma coisa !! ;)

    bjs
    ajb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "If it hurts you're doing it right?" :P Eu acho que há duas abordagens aos treinos: a quantidade e a qualidade. Há quem se dê bem a fazer muitos quilómetros e outros, que não têm tempo e/ou vontade, preferem apostar na qualidade e diversidade. Eu, como não tenho tempo, deveria apostar na qualidade... :) Mas prefiro treinos longos ao fim-de-semana e durante a semana é o que der! Por enquanto, tem dado para terminar as provas dentro dos tempos limites e relativamente bem, o que é o mais importante. :)
      Mas sim, geralmente as provas mais difíceis são aquelas que subestimamos ou que, por qualquer razão, naquele dia não estamos bem... Mas olha que provas em que andamos lá mais de 24 horas, como o MIUT, devem ir directamente para o pódio!! :D
      Bjs

      Eliminar