15 de maio de 2015

Treinar de madrugada: o sonho e a realidade

"Adivinha quem foi hoje fazer um treino às 6h da manhã??!!!!"

Esta foi a sms que enviei, com excesso de sinais exclamativos incluído. Juro que não envio mensagens a avisar de todos os treinos que faço, mas este tinha de ser. E aposto que, se fossem meus amigos, também iam adorar acordar com uma sms de extrema relevância como esta. :) No entanto, estava orgulhosa de mim mesma e senti necessidade de partilhar.
É que, estão a ver, em teoria, tudo na ideia de acordar cedo e começar o dia com um treino antes do trabalho me atrai. Na minha mente formam-se imagens idílicas de acordar antes do despertador com um sorriso e cheia de energia, comer uma peça de fruta, sair para correr com o ar fresco e ruas vazias da madrugada, voltar a casa, tomar um duche, comer o segundo pequeno-almoço e preparar-me para o trabalho, sem ter de me preocupar em organizar o tempo depois de chegar a casa cansada ao fim do dia para ainda ir treinar. Mas na prática...
Na prática, a cama exerce sobre mim um fascínio quase obsessivo e o calor dos seus lençóis,  ao acordar, é como o abraço quente da pessoa amada que não nos quer deixar sair da cama. E Deus sabe como certas manhãs já é difícil deixar o ninho para trabalhar, quanto mais adiantar essa partida dolorosa saindo mais cedo desse colinho aconchegante.
Por isso, a maior parte das tentativas que fiz para acordar mais cedo não passaram de uma intenção bonita mas facilmente frustrada.

Porém, desta vez tinha sido mais forte. Desta vez, tinha resistido ao canto da sereia e tinha-me levantado ao primeiro toque do despertador. Ok, segundo. Pronto, terceiro. (Quinto.) Mas depois de carregar no snooze três (cinco) vezes, saltei abruptamente da cama (tem de ser assim, à bruta, senão caímos na tentação de só mais um abraço e depois a malandra é traiçoeira) e fui-me equipar.
Já não havia tempo para um treino muito longo, mas não importava, era hoje que ia ser também eu uma daquelas pessoas madrugadoras e frescas que tanto invejava!

Mas, mal comecei a correr, o meu corpo...



Parece que ninguém o avisou que ele teria de começar a trabalhar mais cedo e ele não gostou. Nadinha. Sempre que metia um pé no chão quase que podia ouvi-lo: "Nope, nope, nope, nope, nope, nope..." (ler ao ritmo de passadas muito lentas) "...não estou a gostar nada disto. Não. Pára. Pára já. A sério. Pára. Não tem graça. Porque é que estamos a fazer isto? O que é que te fiz de mal?" E tive mesmo de parar ao fim de 2km, enquanto tentava alongar um bocadinho e via as pessoas frescas e madrugadoras a passar por mim, todas felizes de estarem ali a correr às 6h30 da manhã, tal como as tinha imaginado... "Parem de ser assim tão frescos e fofos a esta hora da madrugada, não vêem que estou em sofrimento??!!" Ninguém ouviu esta minha súplica silenciosa.

Ainda fiz mais 3km, apenas porque tinha de voltar para trás e já agora também não podia dar a manhã como perdida. Foram 5km e uma visão idílica estilhaçada.

Portanto, esta primeira experiência de 2015 de tentar treinar antes do trabalho não correu bem, mas acredito que seja apenas uma questão de habituação do organismo.
Entretanto, depois deste episódio já se passaram umas duas semanas e ainda não tive coragem de tornar a tentar. Eu sei que, eventualmente, consigo convencer o corpo. O problema é a cama que é muito possessiva em relação à minha presença...

Madrugadores frescos e fofos, contem-me o vosso segredo!

Bom fim-de-semana!

34 comentários:

  1. ahhahah também já estive nesse filme!

    Em dias quentes do Verão, para fugir ao calor do final de tarde, também eu fiz dessas tentativas de treimnos matinais. E realmente fui, mas sempre "obrigado".
    De manhã, na primeira hora, ainda estou a dormir. Cheguei a estar a correr e a bocejar... WTF? :)

    Bons treinos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :)
      E outra coisa que me custou, não sei se por correr junto ao rio, foi a humidade excessiva que estava, comparado com os meus treinos ao final da tarde... Achei estranho e o corpo também não gostou disso. :)
      Bom, continuemos a tentar!
      Bons treinos.

      Eliminar
  2. Vem correr connosco à Hora do Esquilo, em Monsanto. É uma animação. E é uma questão de hábito, a sério.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, já não é a primeira vez que me dizem para ir a esses treinos! :) Quando se tem pessoas à espera a motivação também é outra. Acredito que ia gostar, mas fica um pouco longe e o esforço de abandonar a cama teria de ser ainda maior... Vamos ver! :)

      Eliminar
  3. :):):) ...é mesmo uma questão de hábito ... cá por estas bandas eu até gostava de conseguir levantar-me às 6, mas as noites não andam famosas (novamente) e de manhã não tenho força para me levantar (ainda hoje aconteceu...tudo preparado mas não deu pq durante a noite andei 3 vezes a pé)... o engraçado é que durante a semana custa, mas quando temos uma prova e temos que nos levantar as 3 ou 4 já não custa nada ou pouco :)
    Olha... não desistas... vai tentando ... só custa mesmo sair do ninho, e tem que ser à bruta ... não há nada melhor que um treininho madrugador, banhinho e depois ir trabalhar já com o "dever" cumprido :)
    Bom fim de semana. Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :) Isso é bem verdade, para ir a provas já não custa nada levantar cedo! Acho que nesses casos a ansiedade e a adrenalina vencem o sono. Mas também nunca tive uma prova em que começasse a correr às 6h, por isso não sei como o corpo iria reagir (ou melhor, sei!!! :P)
      Beijinhos e desejo de melhores noites! :)
      Bom fim-de-semana

      Eliminar
  4. Fácil... Vai treinar com os Esquilos em Monsanto a essa hora e depois vês a diferença... ;)

    ResponderEliminar
  5. Houve uma altura, para aí há 2 anos que ia treinar de madrugada para o EUL. Não vale a pena negar, custava imenso acordar tão cedo mas depois até me sabia bem e sentia que enfrentava o dia de outra forma. Para não falar que o treino ficava logo despachado sobrando mais tempo ao final do dia.

    Isto é tudo muito bonito mas nunca mais fui treinar de manhã, dá-me sempre a preguiça como a ti :)

    É continuar a "obrigar" o corpo e para a próxima talvez já corra melhor.

    Beijinhos e bons treinos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Custa taaaaantoooooo!!! :) Mas que depois de estar feito sabe bem, lá isso sabe.
      Beijinhos

      Eliminar
  6. É tudo hábito.

    "(...) via as pessoas frescas e madrugadoras a passar por mim, todas felizes de estarem ali a correr às 6h30 da manhã, tal como as tinha imaginado...(...)" isto lembra-me quando comecei a correr, quando só aguentava 5 minutos e via no parque pessoas com o dobro da minha idade que se cruzavam comigo durante 1 hora, sempre a correr sem parar (eu ia a andar, claro, pois já tinha feito o ultra-esforço de 5 min).

    Já por duas vezes fui correr às 5h da manhã (na Corrida Espírito de Aliança e na sua Antecessora 200 anos linhas de Torres - 100 kms) e não me custou rigorosamente nada.

    O segredo está na companhia. Sozinha só irás pensar no vale ........ de lençois.

    Dica: Junta-te aos esquilos

    Sim, eu sei!!! Sou mais um a dar o mesmo conselho, mas sendo que já somos vários, estatisticamente será muito pouco provável que possamos estar todos errados.

    FORÇA e bons treinos.

    Fernando Varela

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, lá está, com companhia à espera é diferente, não queremos "dar balda". :)
      Hora dos Esquilos muito bem representada e defendida, sim senhor!
      Beijinhos, bons treinos

      Eliminar
    2. Disclaimer: Não pertenco ao grupo dos esquilos, até porque para mim treinar de manhã cedo é muito complicado por causa dos miúdos.

      Apenas reconheço que treinar cedo com companhia é bem melhor.

      Mas como o óptimo é inimigo do bom, decidi fazer os meus treinos em horário pós-laboral e em horário pré semi-semi jantar.

      Eliminar
  7. Correr de madrugada? Ás 6 da manhâ???? O Horror, o Drama, o... Isso é contra natura, esquece, não penses mais nisso, olha a tua vida, o teu futuro!

    Isso de haver malta a correr satisfeita de madrugada é um mito urbano, a sério, vai a Odivelas (sim, eu sei, suburbios...) e não verás mais ninguém a correr a essa hora para além deste teu escriba...ups...bom...ok, fui apanhado :) eu gosto de correr de manhã e nesta altura da vida até prefiro.

    Se tivesse um belo dum parque, ou sei lá, uma coisa parecida com a ex-expo, ao pé de casa, talvez preferisse correr ao final do dia.

    Assim, sair do trabalho, talvez pegar no miudo, actividades com ele ou não e depois ir correr...hmmm, hora de transito, algumas zonas com poucos e maus passeios, muito trânsito, fumos, barulho...não...decididamente não.

    Corro, entre outros motivos, para baixar niveis de ansiedade, stress, este tipo de paisagem provoca o oposto.

    Quando trabalhava no meio da Expo até era uma maneira de ir trabalhar, era uma maneira de despachar 15 km ANTES do dia de trabalho.

    Claro que isso também implicou que houve dias menos bons na recuperação, e implicou arrastar-me à frente de colegas...lindo...

    Mas deixa-me estilhaçar mais um pouco a visão ídilica de correr de madrugada: custa acordar, custa entrar no ritmo e por vezes não percebo muito bem o que ando ali a fazer.

    Hoje foi um desses dias, vento, muito vento, mais fresco que o expectável, mau estar geral, desconforto total...foram nem 4 km a um ritmo mesmo muito lento, sim, até para mim! e casa...

    Resumindo, não é para todos, no meu caso foi uma necessidade que se foi adaptando e que neste momento é a preferível.

    Por vezes implica ir rabalhar desgastado, com dores musculares, ou seja, também há o lado negativo.

    Claro que quando era um adolescente quase imberbe e treinava ao final de um dia de aulas, pensar em acordar de manhã para ir correr deveria ser hilariante.

    Por isso, se gostas da caminha de manhã, se gostas e podes treinar ao final do dia e tens disponibilidade para tal...então se calhar não és nem precisas de ser uma morning runner...é a vida, não é para todos :)

    Bjs

    PS: hoje ao equipar-me peguei no telelé e reparei num sms do meu irmão enviado ontem...é claro que lhe respondi às 6 da matina, óbvio! e não...não era nada urgente...



    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Corro, entre outros motivos, para baixar niveis de ansiedade, stress, este tipo de paisagem provoca o oposto" - exactamente. Acredita que beira-rio ao final da tarde, agora que vieram os dias maiores e quentes, também pode ser muiiiito stressante! :) E dava-me jeito ficar logo despachadinha, pronteesss! Mas bom, alaber como será de futuro.
      Despachavas 15km logo de manhã?? Pétáculo! No máximo dar-me-ia para uns 10k, e daqueles a correr bem. :)
      Bjs
      PS: Porque é que haverias de assustar o teu irmão dessa forma, porquê?? Sabes bem que telefonemas e sms fora de horas assustam logo uma pessoa! Eu não faço nada disso... ;)

      Eliminar
  8. Não pares!!
    Conheces o ditado: no princípio estranha-se e depois entranha-se!
    Aplica-se aqui, tal e qual...

    Bom fds!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo vai depender da segunda tentativa... :)
      Beijinhos, bom fim-de-semana!

      Eliminar
  9. ahahah muito bom! Eu já fiz uns quantos mas também ainda não me consegui habituar.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como diz a Dory : "just keep swimming! :)
      (Como tens uma filha, depreendo que entendas a referência ao Finding Nemo. Eu não tenho essa desculpa. ihih :) )

      Eliminar
  10. Eu gosto!
    Sim, é verdade que custa sair da cama mas depois sabe tudo bem. Corro bem (acho que o ir um pouco adormecido faz com que não sinta o cansaço) e adoro sentir o ar mais leve da manhã. É a maior diferença que noto, o ar muito mais leve.
    Não é nenhum segredo, portanto, é só cada um reagir de maneira diferente :)

    Beijinhos e bom fim-de-semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, isso do ar era uma das principais razões para querer correr de manhã cedo. Provavelmente o teu corpo já está bem habituado! Eu tem de ser aos poucos. :)
      Beijinhos

      Eliminar
  11. Eu nunca fui uma pessoa de manhãs...

    Alias eu pela teoria só precisaria de começar o meu dia ao 12h e fiz isto durante muito tempo. Agora que estou de dieta é que decidi começar a tomar o pequeno-almoço e por isso acordo as 9h.
    Não se compara com as 6h, horário que só fazia enquanto estava na universidade e acabava por só dormir 3/4 horas porque deitar cedo também não é comigo.

    À noite é tudo mais fascinante para mim, sabe-se lá porque, então quero fazer tudo o que tenho para fazer no horário nocturno.

    Mas como estava a dizer, comecei a acordar pseudo de manhã e o meu próximo plano para além de continuar a tomar o pequeno-almoço, é correr ou caminhar (seja lá o que o corpo decidir).

    Mas ainda não cheguei lá.

    Pode ser que o teu blogue me motive para tal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! Eu acho que cada organismo tem o seu horário "biológico", há pessoas madrugadoras, as vespertinas, as nocturnas... Nem sempre podemos adaptar-nos a isso, devido a horários profissionais ou outros e temos de fazer o melhor possível. Na faculdade também estudava noite dentro, mas agora para as mim as noites são para dormir, sem dúvida! É da idade... ihih :)
      Força nessa decisão! Começa com as caminhadas e uns minutos intercalados de corrida. 20, 30 minutos... Foi assim que comecei. Depois podes ir aumentando, ou não! Depende dos teus objectivos e gostos.
      Beijinhos, vai dando novidades.

      Eliminar
  12. Comigo a coisa resultava quando dava para acordar cedo e ter tempo para treinar.. hoje é impossível :)

    Mas claro é uma questão de dar hábito ao corpo... digo eu eheheheh

    :)

    e de ter uma verdadeira conversa tu cá tu lá com a cama.. talvez ajude :D

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou-me virar para ela e dizer: "Precisamos de conversar"... :D
      Beijinhos

      Eliminar
  13. Anónimo18/5/15

    quando fores correr às 06.00H junto ao tejo e observares o dia a nascer e tudo o que o rodeia, respirares fundo e arrancares, nunca mais vais querer outra coisa... pelo menos 2X por semana....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Neste caso também era junto ao Tejo, mas não foi um bom dia... Para a próxima corre melhor! :) Se conseguisse uma vez por semana já não era mau.

      Eliminar
  14. Eu também sou madrugador !
    Não é para todos , mas ficamos nitidamente mais fortes , com mais sorrisos , mais maquina , e ainda mais Top ! :P

    Boa continuação...
    bjs
    ajb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :) O que é "madrugada"? :P
      Pois, nota-se logo que não ando a correr muito cedo então... Essas coisas não querem nada comigo. ;)
      Bjs

      Eliminar
  15. Também eu me custa mesmo muito a sair da cama para ir correr! Gosto mais de correr à tarde no final do emprego

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também estou mais habituada a isso, embora obrigue a uma melhor gestão do tempo ou cedências.
      Beijinhos

      Eliminar
    2. Pois é como eu, só se o horário não der de outra forma, nesse caso iria correr de madrugada, mas se puder evitar, melhor

      Eliminar
  16. Sabes aquele peso que te agarra à cama? que é difícil de vencer? Chama-se gravidade!
    Ajuda se fores para um sitio que te diga alguma coisa, junto ao mar, Monsanto, Estádio Nacional, Estádio Universitário de Lisboa, Quinta das Conchas...

    Bom, estou para aqui a falar mas hoje fui correr às 7h da manhã e mais valia ter ficado na caminha...

    Bjn

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. 7h já fica muito tarde!!! :) Morar perto do trabalho é que era...
      Bjs

      Eliminar