17 de setembro de 2015

Os últimos treinos e as "praxes" da corrida

Já lá vão uns dias desde a última vez que "falámos" e vos anunciei a minha espécie de objectivos para Arga (para além dos habituais divertir-me e terminar bem). Desde aí, tenho treinado arduamente.

A rolar em estradões.
De forma incansável.

Olhem para ela que até já sobe escadas a correr e tudo! :D
Sem fugir às dificuldades...


A explorar a "selva".
... e à dureza.

Ãhh... Como é que esta foto veio aqui parar??!! :)

Como estava a dizer, treinei arduamente... no dia deste treino acima. De resto, tem sido um marasmo muito difícil de combater e, para piorar, durante o treino da passada sexta-feira senti uma pontada no joelho direito, que se prolongou numa moinha o resto do dia e me deixou em pânico os dias seguintes, tendo inclusive cancelado o último longuinho de fim-de-semana que tinha planeado fazer antes de Arga. Depois da lesão da ITB, em 2013, qualquer dor no joelho despoleta o alarme e prefiro não arriscar. Acabei por estar quatro dias parada, tendo feito um pequeno teste na terça-feira, de apenas 6km, para ver se já estava melhor. Hoje volto a correr um pouco mais, desejem-me sorte!

Este é o tipo de coisas que nenhum corredor gosta, mas que acontece, e temos de estar preparados para lidar com isso. Engraçado é como parece acontecer sempre na altura mais inconveniente. Neste caso, a "atleta" anuncia na internet o seu objectivo de baixar o tempo numa prova e uns dias depois começa a sentir uma dor no joelho... Claro. Já devia saber que, à boa maneira da lei de Murphy, as piores coisas acontecem sempre nas piores alturas. Aliás, quem é que já ficou doente uma semana antes de uma prova de 66km, quem foi?
No entanto, na altura acabou por correr tudo bem, e confio que agora acontecerá o mesmo.

Outras situações, engraçadas, não tão engraçadas e/ou irritantes, que fazem parte do livro de praxes da corrida e que qualquer atleta já experienciou pelo menos uma vez (as assinaladas com um asterisco já foram vividas na primeira pessoa):

- Faltam 15 segundos para a partida e o gps não apanha a porra dos satélites.*
- No dia em que se esquecem de levar hidratação para o treino, apanham uma secura desgraçada e o único bebedouro nas redondezas está avariado.
- No dia em que têm estipulado o treino mais longo do plano, vão estar 38º. À sombra.
- Pegam no carro para ir treinar num local diferente e, quando lá chegam, apercebem-se de que deixaram o gps em casa.*
- Naquele momento do treino em que não aguentam mais e decidem caminhar "durante só um bocadinho", passa alguém conhecido a correr.*
- Aquela prova em que pareciam um figurante zombie do Walking Dead? Vai estar cheia de fotógrafos.*
- Quando finalmente começam a ficar confiantes na vossa evolução, têm uma corrida horrível ou, pior (deusnoslivreeguarde), surge uma lesão.*
- Vão ter uma dor de barriga enorme e urgente quando a casa-de-banho mais próxima está a vários quilómetros de distância ou, nos trilhos, a vegetação circundante é toda rasteira.
- A semana de pico de treinos vai coincidir com a pior semana de volume e stress de trabalho dos últimos tempos.*
-No dia em que se atrasam e chegam ao local da prova já em cima da hora, notam que não levam alfinetes para o dorsal e a organização também não os oferece.*
- Quando têm vontade de fazer xixi antes de uma corrida, mas já estão no meio do pelotão prontos para a partida e acham que é só nervosismo e depois passa a vontade... Não passa.*
- Se houver possibilidade de chuvas fortes, vai acontecer quando puserem o pé fora de casa para treinar.*
- Quando dão uma queda espalhafatosa e se levantam depressa a pensar que ninguém viu. Alguém viu.*
- Fazem quase 300km para irem a uma prova e quando lá chegam apercebem-se de que se esqueceram dos ténis/outro equipamento igualmente importante.*
- Só se vão aperceber que o gps tem a bateria descarregada dois minutos antes de saírem de casa para treinar.*

Pela quantidade de asteriscos, podem reparar que sou uma pessoa que é constantemente praxada pelos deuses da corrida, os engraçadinhos... :)

E vocês? Mais alguma "praxe" a acrescentar à lista?

PS: Ah, o tal treino de 6km na terça? Primeiro treino à chuva desde há vários meses. Como é óbvio, o impermeável ficou em casa.* ;)

25 comentários:

  1. ehehe Essas lesões fantasmas são muito tipicas. No dia imediatamente antes da prova tenho sempre umas 4 ou 5! Olha faz como uma vez li por aí, começa mentalmente a contar até 100, quando chegas ao 20 já não te lembras da dor! Quanto aos teus pontos, realmente também já me aconteceram quase todos! Tudo o que é problemas relacionados com o relógio ou falta dele já me aconteceram! Se não fosse uma cebola tão grande começava a dormir com ele só pra não me esquecer.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também pensei nisso, que poderia ser uma dor "psicológica", e era bom que sim... Não me dói tanto a correr, mas fica dorido depois.
      A lista de "praxes" de gps é enorme, agora até já me lembrei de mais duas ou três! Tenho de fazer uma Parte II :)
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Olá menina :) Já sigo o teu blogue há algum tempo e também vou ao GTSA. Quando passares pelo dorsal 156 não me pregues nenhuma rasteira, sim? Boa prova e espero que esse joelho esteja a 100% (e o meu também, já agora).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá! Aos 53km também? Se calhar nem te chego a apanhar... :)
      Boa prova para ti e as melhoras para os (nossos) joelhos! ;)

      Eliminar
  3. eheheh,

    Antes de mais, boa sorte para a lesão!

    Quem anda nisto sabe que essas coisas acontecem... e que são esses imprevistos que nos fazem contar histórias! :)


    Na corrida já me aconteceu uma ou outra, pois por norma sou metódico e as coisas correm sem grandes percalços!
    Todavia...
    Já me aconteceu uma das boas, noutra modalidade que eu pratico, quer dizer, praticava e que anda meio esquecida... há muitos anos fui surfar e esqueci-me da prancha... e só dei por isso 5 ou 6 km depois de sair de casa!
    Esquecer os ténis... até podes correr descalça... mas surfar sem prancha é bem mais difícil! :)

    Boas corridas!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada!
      Verdade, temos de ver o lado positivo, ao menos dão boas histórias! :)
      Pois, eu sou um bocado desprendida e deixo tudo para a última, se calhar testo demasiado a sorte... ;)
      Eheheh ficavas em terra (neste caso, na areia)
      Boas corridas!

      Eliminar
  4. Eheheh :) Adorei essas situações engraçadas/irritantes na altura. Já me aconteceram umas quantas.

    Tem calma, essa dorzita não é nada, vai passar rapidamente e vais conseguir atingir os teus objectivos para Arga :) O poder do pensamentos positivo.
    Força!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazem parte... ;)
      Manda boas vibes, sff!! :)
      Obrigada!
      Beijinhos

      Eliminar
  5. Olá menina!
    Ah pois é! tudo isso já aconteceu a toda a gente, eu sou do tempo em que a maratona de Lisboa não tinha sanitários, nem havia gpss e os impermeáveis eram sacos de plástico, (oferecidos pela prova) tenho até uma foto, na 1ª meia da ponte Vasco da Gama em que estamos todos com os ditos....
    beijinho, eugénia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Eugénia!
      Ehehe, também já vesti um desses sacos de plástico como "impermeáveis" :)
      Beijinhos

      Eliminar
  6. Eh eh! Essas frases também teriam uns quantos asteriscos meus :)

    Espero que o joelho não tenha passado dum susto. Força!!!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E se calhar ainda conseguias acrescentar uns quantos! Com 341 corridas deves ter vários incidentes para contar.:)
      Eu também... :|
      Beijinhos

      Eliminar
  7. 15 para a partida e não há satelites - confere
    Figurante Walking Dead - confere (se bem que acho que é o meu ar em todas as provas)
    Confiança em Alta = mau treino - confere
    Xixi antes da prova - confere
    GPS sem bateria antes de ir treinar - confere (é uma desculpa que já usei varias vezes para acabar por ficar em casa .Onde é que já se viu treinar sem o GPS)

    Espero que o joelho não se tenha tornado a queixar.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahahah Também acho, treinar sem gps?!! Não faz qualquer sentido... :D
      Hoje senti dorido após o esforço, acho que já nem vale a pena estar a treinar muito mais antes de Arga e poder prejudicar.
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Confia no treino, Lu...Menina :)

    A Força, ahhhh, o treino está feito, a experiencia (*) também, é desfrutar.

    Vê é o joelho.

    Bjs

    (*) Quanto mais experiência mais probabilidade de isso tudo e mais algumas cousas acontecerem:
    *adubar/irrigar Mato SEMPRE que faço mais que 5 km,
    * acabar uma Meia em frente aos Jerónimos, ensopado, trocar mesmo ali de roupa e descobrir que faltam boxers...constipei-me,
    * ter um porta dorsal novo e pipi, puxo para o lado e rasgo o dorsal....
    * encontrar um conhecido e conversas ...200 bpm...,RP 5 km:)
    * queda à frente de TODA a gente conhecida e possíveis futuras conhecidas,
    * calções largos, barreiras, anatomia visível...não preciso de dizer mais nada, certo?
    * a app indica que tem sinal GPS, ups, serviu apenas de cronómetro...
    * 100 m...sem bateria...
    * 30 s para a partida, atar sapatilhas...porque fiquei com um atacador na mão???
    * incentivos mentais- final da prova- advertência do juiz, ahh...foi assssimmm tão alto? Não, não era a sua mãe, não, mas...
    * snoot rocket? Mas verificar sempre para onde sopra o vento...
    *entorse no tornozelo, meia rota...enfermeira...opahhh
    * lama...onde está o outro sapato???
    Repara isto é tudo ficção, tipo, solidariedade...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confesso que não apanhei logo à primeira essa do "Lu..."! Só depois de ler a parte d'"A Força"... :D
      Bom,may the force be with us. :)
      Obrigada. Bjs
      PS: Ahahah adorei a tua lista "solidária" ;) Também já me aconteceu uma ou duas dessas (snot rocket, mas versão cuspidela. Acertei no próprio braço e SIM, PESSOAS VIRAM!...)
      Ahahah (ainda me estou a rir da dos calções largos, barreira e anatomia.. :D Sorry....) :)

      Eliminar
  9. Boa sorte ... olha, essa lista + a do Hélder Jorge e mais uma catrefada de outras... não existem asteriscos suficientes para mim ... espera lá, menos a dos calções largos, barreiras, anatomia visível ... esta era escusada ó Hélder Jorge ... lol
    Beijinhos menina e estou a ver que a malandrice é contagiante por esses lados ... só falta saber quem é que transmitiu a quem ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lol :)
      Aposto que a da dor de barriga já te aconteceu algumas vezes... Não sei porquê, é um feeling que tenho... ;)
      Beijinhos (acho que é uma virose que anda no ar... :P)

      Eliminar
    2. Solidariedade, Carlos Jorge, solidariedade.
      E pura ficção, claro!
      Se assim não fosse poderia dizer que tinha 14/15, em treino, que os calções eram uns Le Coq Sportif pretos (raispartaosFrancesesqueforamlogoparaolixo) e o que estava largo era a cueca interior dos próprios calções.
      Repara que estamos a falar de calções de atletismo,(parecidosàquelesqueoFilipeusaapenasporquesãodeumaMaratonaqualquer), curtos, muito, curtos...
      pronto, ficção, pura ficção!

      Eliminar
  10. A lei de Murphy é tramada! No entanto agrava-se com a quantidade de "tralhas" que os atletas carregam atualmente, gps, chips de cronometragem, etc. Dos pontos de praxe mencionados, julgo tê-los quase todos na minha caderneta :) Bjs e boa prova na serra de Arga

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade. E o gps é um aparelho propenso a desafiar essa lei. :)
      Obrigada! Bjs

      Eliminar
  11. Que seja mais uma viagem pelo paraíso :) estas muito mais atleta :)
    Força e coragem :) e na hora difícil mais coragem ainda :)
    Talvez ainda apareça por lá :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou uma atleta agora! :) Mas que vai ser um passeio pelo paraíso, disso não tenho dúvidas-
      Este ano não vão? Estão a guardar-se para o UTAX? ;)
      Beijinhos

      Eliminar
  12. Isso do joelho é "metade fisico + metade outra coisa" :P , seja o que for , as melhoras nisso...e como já te disse , tal como apareceu , vai desaparecer...

    Ou então não !!
    É daquelas "dores" pra vida , que nos habituamos a elas !
    Desde que não sejam impeditivas , passado o período de habituação , deixem de o ser...nem damos por isso... Eu tenho muitas dessas , e sei do que falo !! :)
    Força...

    Disso das "praxes" , nada disso me afecta , e não tenho nada disso dos "asterixs" !!

    Sou um atleta á macho !!
    Até corro e treino series sem relogio e gpss ou lá como se chamem a isso !! :P
    Corro descalço na areia que pareço um homem das cavernas , com pés duros cumá pedra !
    Vou por todos os caminhos e trilhos desconhecidos...tipo Tarzan...

    Se não tenho alfinetes , levo o dorsal pendurado em qualquer lado !!
    ...nos dentes , nos atacadores...todo de lado e rasgado...
    ...nem me preocupo nada com isso de ficar direitinho , exactamente perpendicular aos mamilos e mesmo no meio do esterno !!
    Vou lá eu preocupar-me com uma coisa fútil dessas !!!! :)


    De resto sou muito "organizado" no material e equipamento !
    Deixo tudo prontinho na noite anterior da prova...
    Se me esquecer de alguma coisa , é porque não fazia falta ! ;)

    (normalmente esqueço-me de tomar o pequeno-almoço) :P


    Muita força , mas com termos e juizo...bons treinos...
    bjs
    ajb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E não! É 80% físico, 15% outra coisa e restantes 5% outra! :P Mas tem de desaparecer asap! :|
      Eu agora dizia os asterixs, mas deixa... :) É isso tudo tal e qual como dizes... Qual dorsal milimetricamente alinhado qual quê, qual pezinhos na areia, espírito de aventura... Isso tudo! :P
      Quanto ao pequeno-almoço... olha que nos montes de Arga não há reboques!!! ;)
      Obrigada...
      Bjs

      Eliminar