21 de janeiro de 2016

Pirilampos na Serra

Há um par de semanas fui fazer um treino de final de tarde/início de noite para a Serra de Sintra, de forma a testar um frontal, já que terei de adquirir um, com luminosidade e autonomia suficientes para aguentar uma noite inteira no OMD, que terá início à meia-noite. Então, aproveitei para experimentar um Boruit, comprado em promoção há uns tempos por um amigo, para ver se gostava e me adaptava, para comprar igual ou semelhante.

Assim sendo, por volta das 18h, mas já escuro como breu, parti de Malveira em direcção à serra.


Este frontal diz que atinge os 2500 lumens no modo máximo, coisa que não faço ideia se é verdade ou não, embora tenha comparado com o modo máximo do frontal do A., que me acompanhava, e o dele emita uma luz mais forte em máximo, mas menor quando em modo médio. Para correr em estradão, achei que o modo médio do meu frontal era suficiente, apenas ligando o máximo quando em terreno com mais desnível ou mais técnico, por uma questão de segurança. Tem também ainda um terceiro nível, de SOS, com pisca-pisca vermelho. A par disto, tem também atrás uma lâmpada vermelha, que está sempre ligada, o que é útil, já que muitas das Organizações de provas (como será o caso desta) pedem também, como material obrigatório, uma luz de presença traseira. Penso que esta é visível na foto abaixo.

Lâmpada frontal em modo médio.

O problema, mais das senhoras, é que com a luz traseira ali colocada não é muito prático usar rabo-de-cavalo, que pode tapar a mesma. Mas é uma questão de usar antes uma trança, por exemplo. Podem ver abaixo como o frontal está colocado e a localização da lâmpada vermelha, que fica um pouco obstruída por estar de rabo-de-cavalo.

Decisões no cruzamento.

Ao chegar à Pedra Amarela liguei o modo máximo, só para ver se conseguia umas boas fotos, o que é um requisito importantíssimo na decisão de aquisição de um frontal, como podem imaginar. :)


A paisagem ali à noite não é tão bonita como de dia, mas também não está nada mal.



Vista para a cidade.

Não vou mentir, correr, à noite, pelo meio da serra, pode ser uma aventura engraçada, mas também tem o seu quê de assustador. Apesar de serem apenas sete da tarde, era como se fossem duas da manhã, não passámos por absolutamente ninguém. O ruído de pequenos animais que se assustam com a nossa passagem e correm a enfiar-se pelos arbustos (ia tendo uma síncope com uma coruja que levantou voo quando íamos mesmo a passar), aliado ao facto de Sintra ser um local associado a diversas lendas, tornam esta experiência num evento de frequência cardíaca elevada. Mas, como em Junho vou ter de correr a noite inteira pela Serra da Estrela, provavelmente em muitas das partes sem nenhum outro atleta por perto, só tenho é de aguentar-me e fazer-me de forte! O truque, como nos filmes de terror, é NUNCA OLHAR PARA TRÁS! :)


O farolim tem zoom ajustável, que mantinha direccionado mais para a frente nos estradões e mais perto dos pés em terreno acidentado. Abaixo, uma tentativa de mostrar o foco nos dois níveis de intensidade de luz, embora ache que não dê bem para ficar com uma ideia da realidade.

Médio.
Máximo.

Diz também que é resistente à água, mas como não choveu no dia do treino não tive oportunidade de ver como se comporta em dias de chuva. No entanto, com a humidade nocturna e a velocidade supersónica que atingi só para regressar mais depressa à civilização e luz eléctrica nas ruas, fartei-me de transpirar, e o frontal esteve à altura. :)


É alimentado a pilhas (2), de lítio, o que prefiro, em relação a baterias. O modelo de LED é Cree XM-L T6 (cor branca), o que para mim é chinês, mas pode ser que signifique alguma coisa para algum de vocês mais entendido, que esteja a ler.




Andámos pela serra cerca de hora e meia, pelo que não pude avaliar o frontal em termos de autonomia. Gostaria de ainda fazer um treino, ou prova nocturna mais longa, para ver ao fim de quanto tempo a intensidade da luz começa a diminuir. Entretanto, posso dizer que gostei e talvez seja uma opção a considerar, caso mantenha o preço promocional.

E vocês, estão contentes com o frontal que têm? Opiniões de boa relação qualidade/preço, que não seja de custo abusivo e que sobreviva a uma noite na serra, iluminando e mantendo-me iluminada o suficiente para não ser atacada por lobos. Obrigada. :)


30 comentários:

  1. O meu frontal actual é o Silva Cross Trail 2. O único contra é o facto de ter um cabo para ligar à alimentação (pilhas). Mas é cá um farol! O pessoal dos carros até me fazem corte de luzes!! Os Led Sense parecem-me os mais equilibrados em termos de qualidade/preço. http://silva.se/product/headlamps/headlamp-cross-trail-2/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelas sugestões, Sílvio! Mais logo já vou pesquisar com mais atenção.
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Xiii ... isto tá a ficar muito profissional por estes lados .. só faltou o unboxing ;) ... eu não te posso ajudar, uso o Myo Rxp da Petzl que me foi aconselhado por alguém muito experiente (custou 75 euros) ... uso nos treinos nocturnos, e estou satisfeito ... mas em trilhos nocurnos só o utilizei em pequenos percursos, nada muito longo .. 3 pilhas e dura um montão de horas ... isso dos lumens e coiso é que não sei ;)
    E é isto ...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostaste da minha opinião profissional sobre NUNCA OLHAR PARA TRÁS? ;)
      Lembro-me de teres falado desse teu pirilampo, tenho de ver.
      Beijinhos

      Eliminar
  3. Olha, sei que não tocas no assunto já há uns tempos e acho que nem usas música em trilhos mas como é uma prova tão longa podes queres companhia.

    Posso dar-te o meu modesto contributo? Em especial versão noturana do OMD:

    1- https://www.youtube.com/watch?v=sOnqjkJTMaA;
    2- https://www.youtube.com/watch?v=K7ToNJHgp-w
    e a minha favorita:
    3-https://www.youtube.com/watch?v=epYKVcHrVr0 (já conversámos sobre esta há uns tempos atrás).

    E era apenas isto, não tive tempo de ler a tua posta com a atenção que merece e mereces mas não podia deixar de dar já o meu contributo, não é preciso agradecer!

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora também ainda não posso ver/ouvir as tuas sugestões musicais, mas agradeço desde já, suponho que sejam músicas divertidas e animadas, nada sobre medos do escuro e criaturas nocturnas.... :)
      Bjs

      Eliminar
    2. Mas quando puderes vai ver, acredita que vais encarar as escarpas da Serra da Estrela versão night mode muito mais descontraida.

      Infelizmente, agora que li a tua posta toda, não te posso ajudar muito.

      Eu corro muito pouco e mesmo que seja (ainda) de noite a iluminação pública dos suburbios costuma estar já funcional pelo que não uso frontal.

      Mas tenho uns pirilampos que ligo na bicicleta, mais para ser visto que para ver.

      Assim e se precisares posso emprestar, garanto que não há rabo-de-cavalo que tape a luz :)

      Bjs

      PS: os leds da CREE são muito bons.
      Claro que neste caso suponho que a ergonomia de todo o conjunto seja fundamental, confesso que andar n horas com isso na cabeça é mais uma coisa que confunde. Isso e malta que enfarda bolas de berlim e bate RP...enfim...

      Eliminar
    3. Esses pirilampos da bike têm muita autonomia? :)
      Ah, e já tive oportunidade de ver as tuas sugestões musicais... Tal como pensava, uma coisa levezinha para ajudar a passar melhor a noite. ;)
      Bjs

      Eliminar
  4. Eu usei este (LED LENSER® H7R.2) tem uma bateria que aguentou uma noite inteira e a outra até á meia noite lool ficando sem bateria é só tirar e colocar 3 pilhas AAA, e esse CREED apesar dos lumen´s é marca chinesa tenho um mas é bom para pouco tempo... :) bons treinos e bom ano :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, é que esqueci-me de dizer, mas o frontal, com as pilhas sobressalentes, têm de durar a primeira noite e ainda umas horas da segunda. :)
      Quando dizes que é dos chineses, é muito mau? :) Tem pouca autonomia, é isso?
      Beijinhos, bons treinos.

      Eliminar
  5. Um dia tenho de comprar um frontal moderno! Tenho um meio reformado que na altura até era muito bom da marca Petzl que levava uma pilha de daquelas de 4,5 voltes, não sei se estás a ver o tamanho e o peso da pilha em questão! (também tinha um adaptador para pilhas de 1,5 voltes as nunca o usei). O foco dava para fazer zomm abrindo ou fechando mais o mesmo e o frontal até tinha uma lampada suplente no caso da principal fundir (não sei é como se conseguiria mudar a lampada a escuras no meio do mato!). Enfim também sou pioneiro no que toca a correr com frontais! Estou a ficar velho! Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esses é que eram os tempos da aventura!:)
      Nesta prova acho que temos de levar frontal suplente, talvez para essa eventualidade de ter de trocar as pilhas durante a noite. Para essa situação tenciono levar o que tenho agora, mais fraquinho mas que serve em caso de emergência.
      Beijinhos

      Eliminar
  6. Segundo o que me disse um Eng. Florestal com quem falei sobre o assunto, infelizmente os lobos ainda não voltaram à Serra da Estrela, o que ainda segundo esse Eng. é um bocadinho misterioso, pois já há presas suficientes para se conseguirem sustentar. De qualquer maneira o Lobo não é perigoso para as pessoas,
    agora durante a noite na Serra da Estrela, podemos é encontrar Javalis e esses em casos muito raros, tão raros que não há nenhum registo em Portugal, podem atacar pessoas, principalmente para defenderem os filhotes.
    Em Portugal as únicas mortes de pessoas por animais selvagens foram causadas por Veados. Pois é, os Bambi quando acordam com os pés fora da cama, o melhor é sair da frente :)
    Quanto a frontais, não posso ajudar porque não percebo nada disso. Eu sou daquelas pessoas alérgicas a folhetos de instruções, por isso "lumens" e similares para mim é Mandarim, assim, geralmente, acabo por comprar o que tem mais pinta :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, isso dos lobos era uma piada. :) Até porque, a haver, serão solitários e têm mais medo nosso que nós deles. Aqui há 3 ou 4 anos, lá na terrinha, ouviu-se é falar de um bando de cães selvagens que andava na serra e atacava o gado.
      Já os javalis, uma vez vi passar ao longe um com as crias e sim, nessa altura é de evitar encontros imediatos. ;)
      Mas olha que também vais ter de adquirir um bom frontal! Se ainda não tiveres, claro. Também não percebo muito do assunto, não sei se deu para perceber pela excelente review... ;)
      Beijinhos e bons treinos!

      Eliminar
  7. E os cães pastores também podem dar problemas. No Estrela/Açor - fiz a mini de 42km :) - um desgraçado que ia à minha frente foi mordido por um e ainda ficou um bocado mal tratado. Teve de desistir e tudo.
    Frontais eu andava a pensar comprar o Petzl Tikka RXP Headlamp mas agora fiquei assustado com os 2500 lumens que dizes que esse "Brute" tem :)

    ResponderEliminar
  8. Xiii, um cão pastor??
    Pois, eu não tenho muita noção do que deverá ser um número de lumens aceitável. E como saber se o publicitado corresponde mesmo à realidade. Se esse tem 215 lumens realmente é uma grande diferença... :/ Não pode ser só essa a medida de intensidade!
    De qualquer forma, nada como experimentar primeiro. Esse modelo, pelos vistos, vende-se na decathlon, é uma questão de testares.

    ResponderEliminar
  9. Olá menina!Sou leitora assidua do blog embora nunca tenha colocado comentários.achei por bem deixar o meu singelo contributo num tema que me deu cabo do juizo durante alguns (imensssoss) tempos!! Tenho um frontal desses da boruit e apesar de serem um óptimo farol (sobretudo para pessoas como eu q além de mariquinhas a correr a noite têm miopia e acham que à noite nao se ve um boi quanto mais uma salamandra!) e da minha experiencia têm muito pouca autonomia..ao fim de aproximadamente 2h começam a perder luminosidade. Mesmo em treinos mais longos que fiz à noite tive de começar a levar pilhas sobressalentes.. Para uma prova dessas acho melhor tentares investir num mais carote ou pelo menos 2 pares de pilhas sobressalentes..após longa investigacao e muitos pedidos de ajuda aos "prós" das ultras acabei por comprar o led lenser h7.r2 que, apesar de caro sobretudo para quem não tem muito dinheiro para estas coisas, é bastante mais fiável e com uma autonomia muito superior. Comprei numa promoção online na trekking e ficou a cerca de 64€. Espero que ajude! Beijinhos e boas corridas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Rita! Obrigada pela sugestão. Sofremos do mesmo mal, a miopia (ainda estou para ver como faço tantas horas seguidas de lentes...), e sim, à noite mal se vê um boi, quanto mais um lobo!:) A minha dúvida prendia-se exactamente com a autonomia, e se um par suplente de pilhas seria suficiente. As 2h era no modo forte ou fraco? Parar mais que uma vez dutante a noite para mudar pilhas seria chato...
      Tenho de pesquisar e ver se apanho alguma promoção. Já és a segunda pessoa a sugerir esse modelo, por isso está bem referenciado. :)
      Obrigada!
      Beijinhos

      Eliminar
    2. As 2h são com o fontal sempre no modo forte. provavelmente alternando entre forte e médio conseguirias mais algum tempo mas acredito que seriam necessarios 2 pares de pilhas extra sobretudo se fores para a 2a noite... mas lá está, eu ponho aquilo no modo forte imensooo tempo. outra pessoa se calhar consegue fazer o boruit durar a noite toda :)
      o led lenser tem a vantagem de ter carregador usb, pelo que com uma bateria portatil se pode carregar durante o dia para estar pronto para a 2a noite.
      quanto às lentes quando encontrares uma solução conta.pode ser que um dia venha a precisar, por enquanto as minhas aventuras são mais curtas :D
      Beijinhos!

      Eliminar
  10. Nice. Treino a repetir, please. ;)

    Quanto aos frontais, se por um lado com tanta "variável" e opções no mercado, á muito por onde escolher...por outro, pode ser sempre uma "lotaria" e acabares por comprar um que não seja o mais "apropriado" para determinado objetivo e ou uso.
    ...mas de certeza que vais encontrar um equilíbrio entre preço/lumens/utilização/qualidade...e isso tudo. ;)
    Quando tiver tempo, meto aqui uns links para tentar ajudar á escolha. :)
    Bons treinos...dá-lhe forte.
    bjs
    ajb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A palavra chave é mesmo essa, "equilíbrio". Se bem que 100km já não entra propriamente na definição de equilíbrio. ;) Vou estar atenta a algumas das sugestões aqui feitas e procurar em diferentes sítios. Entretanto, é marcar uma prova nocturna antes do OMD. E mais treinos destes, claro. :) Acho que se deveria fazer um treino pela noite adentro, e enfrentar medos e pôr o material à prova... Tudo por uma melhor preparação. :P Challenge accepted? :D
      Bjs

      Eliminar
  11. Já falaram ali em cima, mas procura o Led Lenser H7.2. É ao preço de "entrada" para os frontais bons (70 e poucos euros, sem promoções) e chega para o que quiseres! Fiz a primeira noite inteira do MIUT com as mesmas pilhas e sem regular muitas vezes a luminosidade. Atenção a esses frontais chineses, esses 2500 lumens são muito duvidosos, o Lenser 7.2 acho que tem 200 ou 300! E depois é coisa para não durar muito.. Olha procura a review do Paulo Pires do frontal! Acho que vale o investimento.

    ResponderEliminar
  12. Ah, em relação À luminosidade, muito, mas mesmo muito raramente ando com ele no máximo, só quando faço alguma descida mais técnica!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, já tinha chegado a essa conclusão dos lumens, há valores muito díspares.
      Estive a ver algumas reviews, esse modelo parece-me, sem dúvida, uma boa opção!
      Obrigada!

      Eliminar
  13. Helder26/1/16

    Oi meneina,

    Ora cá vai a minha posta sobre a questão :)

    Para nossa segurança devemos levar 2 frontais ou 1 frontal e uma lanterna, independentemente de estar no regulamento.
    Se vais continuar a aumentar distâncias e a fazer provas de noite ou a terminar de noite então deves investir. Por experiência própria, tanto a duração de baterias, como um frontal/lanterna de reserva é essencial. No UTAX aconteceu-me a meio da noite, devido à chuva e nevoeiro não ver nada à minha frente e foi graças a um companheiro que se cruzou comigo na altura que lhe pedi para esperar um pouco para mudar de pilhas pois não via nada sem luz. Foi sorte pois passei quase toda a noite sozinho na serra. Inclusive fiz um teste de desligar o frontal no meio da floresta e acredita que não é nada agradável.
    Também ando em busca de um frontal para comprar. Aquele que tenho, na altura que o comprei achei que seria o suficiente, mas não o é. Já fiz algumas provas de noite com ele mas tenho de ir com muito cuidado nas partes mais técnicas pois a sua luminosidade não é grande coisa.

    Os 2500 lumens que esse tal de Boruit tem, parece-me um pouco exagerado. Deve ser alguma medida chinesa :). Em relação ao Led Lenser H7.2 existe uma versão mais recente o H7R.2 com mais lumens. 250 do H7.2 contra 300 do H7R.2. Isto por cerca de 15€ mais. Tens aqui a review/comparação/evolução:
    http://corremais.paulopires.net/2014/02/led-lenser-h72r-uma-revolucao.html

    Talvez invista neste, ou perco a cabeça e invisto num Petzl. Nada está decidido, a busca continua. Não quero cometer o mesmo erro de antes, de achar que é suficiente e depois ter de comprar outro mais potente. Não ver muito bem, no meio da noite, onde por os pés não é nada bom. Ou levantar a cabeça para ver a próxima fita e não a ver.

    Espero ter baralhado o suficiente :)

    Bj e até breve

    PS: vê lá se fazes mais provas, essas são o verdadeiro treino :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Hélder!
      Pelos vistos há muita gente com boas referências do h7r2, podes avançar para a compra. :) O h72 já se encontra a um preço mais acessível na amazon, pelo que pude ver, mas agora estou indecisa... Esse petzl é absurdamente caro? :)
      Eu não percebo nada disso dos leds e lumens, sei que sou pitosga e vou precisar de boa iluminação, para já não falar de que, pronto, vou lá andar uma noite inteira e parte de outra. O tempo limite são as 2h da manhã de domingo, certo? :)
      Eu tenho treinado!:D Mas a próxima, agora, provavelmente só o VVR.
      Bons Abutres! Acho que este ano o tempo vai estar um bocadinho melhor.;)
      Bjs

      Eliminar
    2. Helder26/1/16

      Estou tentado sim, talvez avance :)

      De um modelo para outro são cerca 15€ de diferença!!! Eu acho que vale a pena...

      Em vez de leres, podes ver e ouvir :)
      https://www.youtube.com/watch?v=EaM5Lu3QxKg

      O Petzl Nao 2 - 575 Lumen já foi mais absurdamente caro. O mais barato que encontrei é 118.45€. São "só" 50€ de diferença para o H7R.2...

      Trocado por miúdos :) quanto mais lumens mais luz terás. No entanto quanto mais luz tiveres menor será a duração da bateria (as baterias são o grande problema hoje em dia em todos os dispositivos. Não estão a avançar à medida que a tecnologia avança). A questão é jogares com a intensidade conforme necessites. Ou seja, em sitios com melhor visibilidade baixar o luminosidade e assim aumentar o tempo de bateria. Em sitios em que precises mesmo de uma luz forte aumentas a luminosidade. É o que o Petzl faz automaticamente com o sensor de luz que tem.

      Sim o limite dos 100+ é de 26h, ou seja, até às 2h00 de domingo. Mas tens de chegar bem antes disso. :D

      Estarei em VVR (vou fazer o TCC todo de novo). Este ano não vou aos Abutres. Não gostei da forma como no ano passado não houve plano B por parte da organização e também não gostei da forma como este ano decorreram as inscrições. Talvez para o ano. A Serra da Lousã está a ganhar e isso não pode ser :) Queria tentar de novo o UTAX que seria em Outubro mas como mudou para Março, estarei no TSL de novo. Não estava nos planos, uma vez que tenho Vila de Rei uma semana antes, mas não me contive e inscrevi-me :) Pode ser que apanhe um tempo ameno. Já apanhei valentes tempestades e um calor infernal naquela serra e por isso espero ser uma boa altura para lá ir. Não sei se as minhas pernas se vão aguentar, mas será um teste :)

      Baralha e volta a dar :)

      Eliminar
  14. Bom post, interessante e pertinente. O meu é um Black Diamand com 130 Lumens, até agora serviu muito bem, mas nunca o testei em provas longas.

    Voltarei a este post quando necessitar.

    O problemas com estes treinos é que não dão para tirar grandes fotos para o concurso... :p


    Bons treinos e boas provas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Verdade. Tenho de apostarnuma câmara de infravermelhos. ;)
      Tens de fazer um nocturno pela serra um dia destes.
      Bjs

      Eliminar
    2. Dá vontade de mandar piadas sobre correr a dois ;-) à noite na serra :-):-):-) nem sabes quantas vezes apaguei antes de publicar o comentário... enfim... vou-me abster... Beijinhos :-D

      Eliminar