17 de janeiro de 2016

Primeiro longuinho do ano: Parque das Penhas do Marmeleiro

No passado fim-de-semana, e depois de algum merecido descanso após a Ericeira Trail Run, foi altura de dar início aos treinos longos de 2016.
A ideia é ir aumentando gradualmente os quilómetros e altimetria nos treinos de Janeiro, por isso, para começar em grande mas não tanto, o primeiro longo do ano realizou-se pelas encostas mais baixas da serra de Sintra, com início na Quinta do Pisão.



A manhã estava cinzenta e a ameaçar chuva. Inclusivamente, temeu-se uma corrida molhada quando, aos primeiros quilómetros, começou a chuviscar, mas depressa parou. O plano era fazer pelo menos 20km e, como tal, não nos queríamos restringir aos limites da Quinta. Dirigimo-nos então para a saída mais acima, em direcção a Murches.


O destino era o Parque Urbano das Penhas do Marmeleiro, que dista cerca de 3 ou 4km do Pisão, onde já tinha treinado uma vez e do qual falei aqui. Nessa altura estava um lindo dia de sol primaveril e foi agradável percorrer o seu pequeno passadiço, portanto agora havia a curiosidade em relação ao estado da paisagem circundante no tempo do frio.

Ao aproximarmo-nos do local tornou-se logo visível que teria havido um incêndio uns meses antes...


O verde da nova vegetação contrastava com o barro avermelhado do trilho e os galhos negros de árvores e arbustros queimados. Com a névoa que estava, ganhava contornos de cenário "tim burtiano"... Apesar de triste, tinha uma beleza invulgar.


No meio do negro dos galhos, destacava-se algo alaranjado em algumas árvores à beira do trilho. Quando chegámos mais perto, vimos que se tratava de uma sinalização/arte abstracta/lixo feita com cascas de laranja!


Como ainda eram várias, em árvores seguidas, levantou-se a hipótese de ser alguma espécie de marcação de trilhos biológica... As cascas das laranjas cortadas inteirinhas e colocadas ali! Uma visão caricata e invulgar.


Nesta zona, o terreno é pedregoso e, com a lama, estava bastante escorregadio. Era preciso ir com atenção redobrada mas, mesmo assim, não escapei a alguma patinagem.


Aqui as encostas estão cobertas por formações rochosas paralelas que dão um efeito visual bonito.

Ao chegar à zona do passadiço, por onde tinha andado a correr na última vez que lá estive, e que fazia lembrar um mini-mini Passadiços do Paiva, reparámos que, à semelhança deste último, também tinha ardido parte...


Não sei se dá para reparar na foto abaixo, mas há bocados do passadiço que desabaram completamente, o que torna impossível a circulação.


É pena, porque apesar de estar um pouco ao abandono (suspeito que por ser um parque desconhecido de grande parte da população da zona. Eu, pelo menos, até ao ano passado não conhecia), é um local bonito, sossegado, com  vista para a Ribeira dos Marmeleiros, onde se pode dar um agradável passeio. Neste caso, treino.

Apesar desta não ser uma zona com muito desnível, ainda dá para subir umas belas encostas. Chegando lá acima, com um bocadinho de imaginação, até parece que estamos nas montanhas.

Serra de Sintra ao fundo.

Depois, podemos também seguir a ribeira contra a corrente, e por momentos até dá para esquecer que estamos tão perto de grandes centros populacionais.








Nunca tinha percorrido estes trilhos antes, foi um bom achado, não acham?

Depois, já com cerca de 15km feitos, foi altura de regressar à Quinta do Pisão, onde se deu uma última volta de reconhecimento.




Os campos estavam repletos de azedas, o que tornava o relvado ainda mais bonito. É interessante comparar com fotos de treinos antigos e verificar a mudança de cores nesta quinta, que consegue ser bonita nas quatro estações.



Foram uns últimos quilómetros mais enlameados, já que saímos dos estradões para correr junto às cercas e o relvado estava completamente encharcado das últimas chuvas. Depois começou a pingar novamente e terminámos o treino pelo meio dos trilhos mais florestais.


Já nos últimos metros, começou a cair uma carga de água tão grande que foi preciso dar um sprint até ao carro, impedindo-me de arredondar os quilómetros para 21, e terminando com 20.96... (O horror!)


Uma meia-maratona em trilhos, com cerca de 450m D+. Não sendo um dos treinos mais difíceis ao nível de altimetria, não deixem o pouco ganho de acumulado enganar-vos. Havia uma belas rampas e a maior dificuldade consistiu no terreno, muito pedregoso e escorregadio devido às chuvas.

Bons treinos!

20 comentários:

  1. Estás a tornar-te uma especialista da zona de Sintra. De tal maneira que daqui a um tempo conhecerás todos e quaisquer caminhos! :)

    Força para mais bons treinos!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eheheh... Era esse o objectivo. ;) Mas há sempre muitos recantos a descobrir. Ainda bem!:)
      Beijinhos

      Eliminar
  2. Obrigadinho pelo passeio ... hmmm ... o nossa competiçãozinha ainda está no "ar"??? É que se sim, depois da goleada que te dei em 2015 neste momento estou atrasado :P
    Beijinhos e bons "longos"

    P.S. Como é que tu sabes que é um mini mini passadiço do Paiva se nunca lá foste??? :P :P :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Goleada?? Mas qual foi o árbitro?! :P E sim, 2016 está aí, não te deixes ficar para trás. Em Agosto tiramos férias. ;)
      Humpft! Nunca fui aos Passadiços do Paiva, verdade, obrigadinha por lembrares :P, mas sei que são 8km. Este deve ser só 1. Por isso, mini-mini. :)
      Beijinhos

      Eliminar
    2. lol ... não te enerves que ficas com rugas :)
      ... não esperas pela demora ... esta semana estou na Suiça :P
      Beijinhos

      Eliminar
    3. Esta semana vou ficar sem net...

      ;)

      Eliminar
  3. Muito bom! Desconhecia. Nunca ouvi falar.
    As coisas que tu descobres... :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, as surpresas que se descobrem relativamente perto de cada. :)
      Beijinhos

      Eliminar
  4. Pelos visto umas das resoluções do Ano de 2016 da Menina foi gastar mais gasolina e treinar em Sintra, hmpfff, quer dizer, uau, espectaculo ;)

    Agora a sério, é mesmo um previlégio andar por esses lados e lermos as tuas crénicas por estes lados.

    Agora que as minhas otites e infeccção respiratória estão a ir embora vou ver se igualo nas minhas corridas essas fotos mete noto...a diferença é que será pelo meio dos suburbios :(

    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É para compensar o deserto de provas para estes lados... :)
      Os subúrbios também têm a sua piada. Vá, alguma piada, pronto. ;) Durante a semana também ando por aí, nos subúrbios.
      Bjs, bom regresso!

      Eliminar
  5. Acho sim senhora, foi um bom achado! Essas fotos com que sempre nos presenteias...muito bom, e as azedas que já vão dando o ar da sua graça aos campos, muito bonito! As cascas de laranja, ora aí está uma bela sugestão para a marcação dos trilhos :) as laranjas em si, ficam para os abastecimentos :) Continuação de bons trilhos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também achei que as laranjas davam uma boa marcação biodegradável. :)
      Trilhos bonitos, às portas de casa, enquanto não se pode ir aos outros.
      Beijinhos

      Eliminar
  6. É isso tudo !!!!!!!!!!!! eheheheh

    Sintra é o meu MB (até reza a lenda que já nevou por cá) !! :P

    Sou pobrezinho !
    ...mas felizzz.......... :)

    Mais um belo treino rumo ao objectivo...
    ...que é uma vida activa , saudável , feliz...e se até der para 100k na serra da Estrela , ainda melhor !! :P

    Continuação de bons treinos...
    bjs
    ajb

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se és feliz, isso é o mais importante. :) E enquanto o MB não chega, Sintra é o melhor dos sítios para se correr. ;) Neve em Sintra seria o sonho! <3
      Eu já tenho a felicidade de ter três desses objectivos, 100km agora é um acessório.. Grande. Enorme!:)
      Brjs

      Eliminar
  7. Por acaso nunca tive muito a necessidade de arredondar quilómetros, MAS agora tenho um polar com gps que só dá as médias do ritmo de cada quilómetro e não do restinho final incompleto, por isso até tenho feito distâncias certas. Com exceção de uns 10.5km do meu plano para a meia - mas é .5, por isso até é semicerto :P
    Essas cascas de laranja :D Acho que alguém se andou a divertir por aí :P Sinceramente quando disseste que viste uma coisa cor-de-laranja ao fundo pensei que fosse ser um tucano ou assim :P
    O passadiço está com um ar mesmo perigoso! Estou mesmo a ver um jogo para tablet com esse cenário :P
    Tenho imeeensa inveja de todas essas passagens bonitas :D O sítio por onde eu corro é rural, mas não rural o suficiente para ser bonito. O que ainda é pior do que se não fosse rural de todo, porque envolve estrume de vacas e cavalos na estrada (e não há passeio), tratores barulhentos a fazerem-me fininhos e cães extremamente territoriais (apanho cada susto...). Ah, e à falta de melhor, as pessoas também me fazem parar (de CORRER!) para dar direções... Depois ainda apanho alguns amontoados de cavalos, mas não compensam :P É o que dá viver na aldeia. Até tenho 'monte' pertinho, mas nunca vi ninguém por lá e lembro-me de me dizerem quando era pequena que tinha lobos, por isso não sei se me aventurarei :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. .5 ainda passa, agora .6? .7?? Mas que anarquia é esta??!! ;)
      Eheh... Entendo o que dizes, às vezes também passo por lugares rurais assim, com o ocasional tractor, cães a ladrar nos portões das quintas e até pocilgas à beira do trilho, com o seu cheiro característico.
      Já há muito poucos lobos, e olha que eles têm mais medo de ti que tu deles. ;) Alguém tem de ser a primeira pessoa a ir correr nesse monte. :)
      Beijinhos

      Eliminar
  8. Ano 2016 há de ser o meu ano da Serra, e nesse dia estive bem perto de vocês.

    Tenho de ir à procura destes recantos.

    Bons treinos e boas provas.

    Bjn

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então 2016 vai ser um bom ano. ;)
      Bons treinos.
      Bjs

      Eliminar
  9. Olá,eu sou de Sintra,e adorava conhecer a serra como tu a conheces.Tenho 51 anos e á um ano comecei com caminhadas,depois a correr devagarinho e agora já faço 10km,aonde já fiz algumas provas de estrada com o tempo de 58 minutos.mas treino sempre em zona rural,alguma estrada e terra batida,mas este ano quero fazer o meu primeiro trail de 23km(trail da costa saloia).A minha pergunta é ,quando vais treinar vais sózinha e como utilizas o gps,eu tenho a aplicação sports traker.Desculpa tanta pergunta,mas acho uma valente.Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ana! Geralmente, quando me aventuro em locais novos, tenho companhia. Quando vou sozinha costumo ficar pela zona da Vila - Castelo dos Mouros, que tem estrada e trilhos e gente sempre a passar.
      Eu tenho um relógio com gps, o Garmin FR 410, mas é raro usar a opção de track pré-definido. No tlm antes tinha a app run keeper. Não sei se com o sports traker dá para fazeres o upload de tracks da net...
      Se és da zona, podes começar por explorar a zona referida, da vila ao parque da Pena, pelo parque das merendas. Agora até já se pode ir pela Vila Sassetti. Tem umas boas subidas para treinares e te preparares para os montes saloios. ;)
      Obrigada pelo comentário, se tiveres mais alguma dúvida, dispõe! Não sou de Sintra, mas apaixonei-me pela zona. :)
      Beijinhos

      Eliminar